Polêmica à vista

Kanye West revela intenção de aborto de Kim Kardashian e chora em comício

Rapper deu várias declarações controversas em primeiro ato rumo à presidência dos EUA


Kanye West e Kim Kardashian posam para foto
Kanye West citou intenção de aborto de Kim Kardashian

 Kanye West ficou emocionado ao revelar um segredo da família Kardashian durante seu primeiro comício como candidato à presidência dos Estados Unidos, em Charleston, Carolina do Sul, no último domingo (19). O cantor disse em discurso que ele e a mulher, Kim Kardashian, pensaram em fazer o aborto de sua primeira filha, North West, de sete anos.

"Na Bíblia diz: 'Não matarás'. Lembro que minha namorada me chamou aos gritos e choro, e eu fiquei pensando, porque naquela época eu era um rapper, eu estava lá fora, [tinha] namoradas diferentes e tudo mais... e ela disse: 'Estou grávida' (...) Ela estava chorando... e por um mês, dois meses e três meses, conversamos sobre ela não ter esse filho. Ela tinha as pílulas na mão", revelou o rapper.

Kanye também contou como contornou a situação e citou ajuda divina. "Estava no apartamento onde minha esposa foi assaltada e estava com meu laptop com todas as minhas ideias criativas, meus sapatos, minha próxima capa de álbum... e, do nada, a tela ficou preta e branca. E Deus disse: 'Se você f... com a minha visão eu f... com a sua'. Liguei para minha esposa e ela disse: 'Nós vamos ter esse bebê' e eu disse: 'Nós vamos ter esse filho'. Mesmo que minha esposa queira se divorciar de mim depois desse discurso, ela trouxe North ao mundo, mesmo quando eu não quis. Ela se levantou e protegeu aquela criança", explicou o músico.

O comício de Kanye é um dos primeiros passos da campanha dele rumo à presidência. Para o discurso em público, o cantor reuniu um pequeno grupo de pessoas no Exquis Event Center. Ao subir ao palanque, Kanye apareceu usando um colete à prova de balas e surgiu com o cabelo raspado estilizado com os numerais 2020.

Mais Notícias
Outros Famosos