Reportar erro
Acordo

Vítimas de abuso sexual de Harvey Weinstein serão indenizadas em R$ 100 milhões

Produtor foi condenado a 25 anos de prisão

Harvey Weinstein
Harvey Weinstein foi condenado - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 01/07/2020 às 11:19:00

As vítimas de Harvey Weinstein, ex-produtor de prestígio de Hollywood, vão receber um valor milionário. O escritório da procuradoria-geral de Nova Iorque revelou na última terça-feira (30) que as dezenas de pessoas abusadas sexualmente pelo cineasta irão receber cerca de R$ 100 milhões.

De acordo com o site Daily Mail, um fundo de “compensação” será feito e distribuirá entre os denunciantes, caso a Justiça aprove, uma quantia de indenização. Ainda não foi informado quanto cada um receberá, mas as vítimas estarão livres em relação ao acordo de confidencialidade.

Isso significa que quem foi abusado sexualmente por Weinstein não estará proibido de divulgar o nome de ex-representantes que trabalharam ao lado de Harvey, que foi condenado por agressão sexual em primeiro grau e estupro em terceiro grau, sendo sentenciado a 25 anos de prisão.

Se a Justiça permitir que o fundo distribua o dinheiro, será a conclusão de um processo de direitos civis de 2018 feito pela procuradoria-geral de Nova Iorque contra o Weinstein, seu irmão Robert e suas empresas. Na época, a denúncia causou muita polêmica.

Harvey Weinstein e as acusações

Harvey Weinstein foi acusado por assédio sexual por mais de 100 mulheres e, além das condenações que já recebeu, ele ainda enfrentará um julgamento por acusações de estupro e agressão sexual em Los Angeles, Estados Unidos.

O produtor é conhecido por ter feito muito sucesso na indústria de cinema, tendo em seu currículo filmes como Pulp Fiction (1994) e Shakespeare in Love (1998), conquistando prêmios como Oscar e Globo de Ouro.

Mais Notícias
Outros Famosos