Reportar erro
Revolta

Armando Babaioff detona Collor após pedido de perdão do ex-presidente: "Não aceito"

Ator afirmou que o político acabou com a vida da sua família

Armando Babaioff e Fernando Collor
Armando Babaioff criticou Collor - Foto: Montagem
Redação NT

Publicado em 18/05/2020 às 16:30:00

Armando Babaioff criticou Fernando Collor de Mello após o ex-presidente pedir desculpas nesta segunda-feira (18) pelo confisco do saldo de cadernetas de poupança em 1990. O ator contou que seus pais fizeram parte do grupo que sofreu pela ação do atual Senador do Alagoas.

“Não aceito seu perdão, Collor. Você acabou com a vida da minha família. Eu tinha 11 anos e vi meus pais perderem o pouco que tinham economizado. Eu desejo que você vá a merda. Se o brasileiro não tem memória, eu estou aqui pra lembrar”, declarou o artista.

Não é a primeira vez que Armando se manifesta politicamente. Em março, ele não gostou da maneira que o presidente Jair Bolsonaro tratou os jornalistas que estavam na entrada do Palácio do Planalto para entrevistá-lo. “Aonde cês ‘tava’ com a cabeça quando elegeram esse asno?“, disparou Babaioff na ocasião.

Em abril, após morrerem Moraes Moreira e Rubem Fonseca, o ator alfinetou Regina Duarte, Secretária de Cultura. “Morre Moraes Moreira e um silêncio ensurdecedor, o governo não emite uma nota. Rubem Fonseca morre, um dos maiores da literatura brasileira, nada. Regina Duarte, que queria tanto esse emprego, podia pelo menos postar uma fotinha no Instagram dela”.

Armando Babaioff não quer ser celebridade

Fora do ar desde o fim de Bom Sucesso, Armando deixou claro que não tem nenhum interesse na vida glamourosa que celebridades costumam viver. "Aonde vou faço questão de deixar claro que não sou uma celebridade e que não vivo como tal. Sou um operário que precisa ralar muito. Não tenho contrato fixo com a Globo", confidenciou em entrevista para o jornal O Globo em janeiro.

"Penso em desistir todos os dias. O Brasil é um país que não tem memória e que não valoriza a sua cultura. As pessoas não vêem que os artistas são os cronistas do seu tempo", explicou ele na época.

Mais Notícias
Outros Famosos