Susto

Sertanejo tem casa invadida durante live e amarra ladrão: "Para não fugir da polícia"

Cantor afirmou que reagiu por conta da adrenalina e alertou que isso não é certo

Sertanejo tem casa invadida durante live e amarra ladrão:
Bandido foi amarrado por sertanejo - Foto: Montagem

Publicado em 05/05/2020 às 10:35:00

Por: Redação NT

O cantor Brunno Souza, através dos stories da sua conta do Instagram, explicou na noite da última segunda-feira (4) como conseguiu mobilizar o ladrão que invadiu a casa do seu amigo no sábado (2) e afirmou que não é certo reagir a assaltos. O sertanejo fazia uma live no momento em que o bandido tentou cometer o crime.

O artista disse que tocava violão quando escutou gritos, o assustando. Ele correu para ver o que estava acontecendo e percebeu que era da dona da casa, esposa do amigo dele e mãe de um bebê de um ano de idade que dormia no quarto em que o criminoso entrou. “A polícia o levou! Não sei dizer por quanto tempo [ele ficará preso]”, comentou.

Brunno relatou que conseguiu render o bandido com a ajuda do seu amigo e os dois o amarraram para que ele não fugisse. “Foi tudo muito rápido! Só amarramos pra ele não fugir antes que a polícia chegasse para tomar as providências cabíveis", contou aos fãs, deixando claro que o ladrão não tinha arma.

Após o susto, o sertanejo entrou na brincadeira com seus seguidores e publicou um vídeo de uma música. “Eu tô rindo, mas é de desespero. To mais perdido que cego em tiroteio rodando a cidade com medo de voltar pra casa, olha que fase”, divertiu-se Souza.

Brunno Souza faz recomendações

Apesar de ter agido feito um herói, Brunno alertou seus seguidores que não é correto reagir a um assalto. “A gente fez aquilo na adrenalina e calor. Não é certo. Se ele estivesse armado com certeza o final teria sido diferente”, afirmou.

“Nunca resista ou reaja. Foi uma exceção, tinha um bebê de um ano no quarto”, acrescentou. Por fim, ele garantiu que está um pouco sem saber como lidar com tamanha repercussão do caso. “Um pouco assustado”, concluiu.




publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!