Reportar erro
Justiça!

Homens são condenados por injúria e racismo contra Maju Coutinho

A jornalista teve vitoria nos tribunais

Maju Coutinho
Maju Coutinho - Foto: Reprodução/TV Globo
Leandro Mendonça

Publicado em 10/03/2020 às 16:52:18

Nesta segunda-feira (09), o Tribunal de Justiça de São Paulo condenou dois homens que foram acusados de injúria e racismo contra Maju Coutinho, atual apresentadora do Jornal Hoje, da TV Globo.

O juiz responsável, Eduardo Pereira dos Santos Júnior, da 5ª Vara Criminal da Capital Paulista, entendeu que Erico Monteiro dos Santos e Rogério Wagner Castor Sales utilizaram perfis falsos nas redes sociais para acessar a página da emissora carioca fazer comentários racistas, tudo de forma coordenada.

Pelos crimes feitos, Erico foi condenado a seis anos de reclusão e Rogério a cinco anos em regime semiaberto, mais uma multa. Na sentença, também foi entendido que os dois cometeram corrupção de menores por terem induzido três adolescentes à prática dos crimes já citados.

Os dois podem recorrer na Justiça em liberdade, como assim determinou o juiz. E outros réus, Kaique Batista e Luis Carlos Felix de Araújo, que também foram denunciados, foram absolvidos.

Maju Coutinho desabafa sobre críticas que recebeu no Jornal Hoje

Assim que chegou no comando do Jornal Hoje, Maju recebeu uma série de críticas por conta de sua postura, e alguns erros que cometeu, por conta do nervosismo.

Em participação no programa Altas Horas, ela desabafou sobre isso: "Faço terapia há muito tempo e isso me ajuda muito a ter uma força interna para lidar com esses momentos de críticas e pressão. Procurei não ouvi-las no começo. Foi um pouco difícil porque as pessoas acabavam me perguntando o que estava achando. Achei um pouco de injustiça, porque levar críticas em uma semana de trabalho, em que você está em uma transição, é natural que você tenha momentos de adaptação", falou.

Mais Notícias
Outros Famosos