Fazendo merchan

Meme de portão "engolindo" mulher vira propaganda da Telecine

Mulher virou meme e foi até entrevistada pelo Se Joga

Meme de portão
Meme acabou virando propaganda da Telecine. Foto: Reprodução

Publicado em 15/11/2019 às 16:50:31

Por: Redação NT

A mulher que virou meme nas redes sociais nas últimas semanas quando um vídeo viralizou mostrando ela sendo "engolida" por um portão e ficando presa numa casa gravou uma propaganda para a rede de filmes Telecine, pertencente ao Grupo Globo..

A propaganda foi divulgada nas próprias redes sociais e é possível ver um trecho das imagens em que ela ficou presa na casa de um estranho após o portão ter se fechado e ela não conseguindo se desvencilhar, acabou entrando no local. Logo depois, começa o comercial da emissora.

Na gravação, ela senta-se num sofá segurando um pacote de pipoca. Com controle remoto nas mãos, ela olha para a câmera e se senta sorrindo. "Acharam que eu fosse ficar de fora, ne?", comenta a mulher enquanto liga a televisão com o controle remoto.

A partir daí, um locutor começa a falar sobre a emissora de televisão que também está disponível em streaming. Trata-se do Telecine, canais do Grupo Globo voltado para filmes e que é tratado no Brasil como um dos principais concorrentes da HBO, embora não produza conteúdo original.

Veja o comercial

Mulher participou do Se Joga

Vítima de uma "prisão", a mulher que virou meme quando ficou presa na casa acabou sendo entrevistada pelo Se Joga, programa vespertino da Globo. Na ocasião, ela entrou através de vídeo-conferência e conversou por alguns minutos com Fernanda Gentil, Érico Brás e Fabiana Karla.

Na ocasião, ela contou que é advogada e que estava voltando para sua casa a pé porque tinha acabado de sair de uma sessão de hidroginástica e, como mora na mesma região, costuma fazer o trajeto caminhando.


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!