Nas redes

Felipe Neto perde grande contrato por se assumir vegetariano e desabafa

Youtuber compartilhou a situação no Twitter

Felipe Neto perde grande contrato por se assumir vegetariano e desabafa
Felipe Neto - Foto: Reprodução

Publicado em 30/08/2019 às 14:58:03 ,
atualizado em 30/08/2019 às 15:33:41

Por: Redação NT

Felipe Neto é bastante conhecido na web, e utiliza suas redes sociais para falar o que pensa, principalmente no Twitter, o que acaba gerando muita repercussão em vários assuntos.

Dessa vez, o youtuber decidiu desabafar em torno do cancelamento de um contrato, onde ele preferiu assumir ser vegetariano do que ganhar uma bela grana. "Por ter me tornado vegetariano, acabo de ter um contrato de publicidade cancelado, no valor de 470 mil reais", começou ele.

Neto deixou claro que poderia anunciar a novidade aos seguidores somente depois de cumprir o acordo, mas não quis ser hipócrita. "Tinha opção de cumprir o contrato e só anunciar minha mudança depois, mas decidi que já tinha sido hipócrita por tempo demais consumindo carne, mesmo sabendo das consequências", confessou.

Felipe Neto continua desabafo

Mesmo com tamanho prejuízo, o youtuber afirma que hoje se sente alguém melhor, e aparentemente, não se diz arrependido por nada do que fez.

"Eu realmente me tornei alguém de quem sinto orgulho de ser. Minhas convicções não estão à venda", começou. "Eu queimei quase meio milhão de reais para me tornar vegetariano. Agora eu não como mais carne MAS NEM A PAU!!!", concluiu.

Em outra publicação, Felipe Neto elogiou a comunidade vegana e vegetariana pelo apoio. "Nunca recebi tanto amor e carinho quanto estou recebendo da comunidade vegana e vegetariana", disse ele, que também destacou o grande número de pessoas que já aderiram. "É simplesmente incrível, um grupo imenso de pessoas dispostas a dar amor e espalhar o bem. Isso é o futuro", disse

Repercussão dos seguidores

Após o desabafo feito por Felipe Neto, os seguidores começaram a deixar os seus comentários. Para alguns, tudo não passa de marketing, e que ele irá conseguir lucrar com isso muito em breve. Já outros, ficaram contentes com a decisão.

"Depois supostamente vai lançar livro dizendo como parou de fumar, como virou vegetariano e vai vender alguns milhões... Quem queima dinheiro é maluco", disparou um. "O veganismo ou vegetarianismo são éticas para a vida. Você teve condições de fazer a escolha. Isso é fabuloso. Para muitos, criados em outra ética alimentar, a escolha por uma alimentação livre de crueldade animal demanda tempo. Bem-vindo ao clube", comentou a colunista Debora Diniz. "Uma semana sem carne deixa as pessoas malucas mesmo", disparou Maurício Meirelles.


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!