Reportar erro
Ativista

Questionada por fãs de Bolsonaro, Paola Carosella crava: "O PT não é governo"

Jurada do "Masterchef" fez longa reflexão nas redes sociais

 Questionada por fãs de Bolsonaro, Paola Carosella crava: "O PT não é governo"
Paola Carosella é uma das artistas que mais se posicionam politicamente nas redes sociais

Redação NT

Publicado em 16/08/2019 às 21:21:07

Paola Carosella não abaixou a cabeça com as críticas que recebeu de parte dos seus seguidores que cobraram dela por fazer declarações polêmicas em relação ao presidente Jair Bolsonaro. A jurada do "Masterchef" decidiu publicar em suas redes sociais uma longa reflexão sobre as razões de sua crítica e lembrou que fazia o mesmo com os governos do PT.

"Sou extremamente crítica do PT mas eles não são governo. A corrupção é imunda nojenta e mata e deve ser criminalizada com toda a força da lei, para todos por igual e por uma justiça imparcial.", escreveu a artista tentando esclarecer para seus fãs que não defende a bandeira petista apenas por ser crítica ao atual mandatário do Brasil. E ela foi além.

"Posso ter uma vida boa mas existe algo que chama empatia, por melhor que seja a minha vida não deixo de sentir e sofrer na pele dos que não podem se dar o luxo de um trabalho digno, o luxo de serem respeitados, o luxo do estudo, da possibilidade de escolher.", analisou para seus mais de um milhão de seguidores em sua conta pessoal no Twitter na última quinta-feira (15).

A jurada do reality show da Band também fez questão de mostrar que se considera uma ativista que vai muito além das redes sociais. "Aponto soluções no meu trabalho silencioso de inclusão social através de trabalho digno e justo. O meu projeto de formação de ajudantes de cozinha já inseriu no mercado de trabalho formal mais de 200 pessoas excluídas e vulneráveis. (trabalho junto à OIT e Min. Púb. do Trabalho). Aponto soluções em Brasília onde tenho ido mais de uma vez para falar de agroecologia e a Política Nacional de redução de Agrotóxicos. Aponto soluções ao privilegiar agricultores familiares que cuidam da terra e da água ao agronegócio desenfreado e ultrapassado".

No fim, a profissional explicou seu posicionamento político após ser duramente criticada pelos fãs de Bolsonaro. "Não sou socialista, sabe por que? Porque nenhum partido me representa! Porque sou crítica de todos! Porque a esquerda - que defende muitas das pautas que eu defendo- fez feio na América Latina ! E não concordo com radicalismos nem endeusamento de líderes.", sentenciou.

Por fim, Paola decidiu botar um ponto final na questão com outra crítica a atual gestão.  "E reclamo porque não se arruma um problema usando as armas e os recursos que já se demostraram falhos mil vezes na história! Quero governos justos políticas justas democracia verdadeira respeito! Quero saúde pública e educação pública para depois sim falarmos de meritocracia"

 

Mais Notícias