Após comentário

Alcione faz vídeo dedicado a Bolsonaro e pede: "Respeite o povo brasileiro"

A cantora Alcione ficou indignada pelo comentário feito pelo presidente e se posicionou contra; saiba mais

Alcione faz vídeo dedicado a Bolsonaro e pede:
Em vídeo, Alcione se mostra indignada com comentário do presidente - Foto: Reprodução

Publicado em 20/07/2019 às 14:26:45 ,
atualizado em 20/07/2019 às 14:41:59

Por: Redação NT

Neste sábado (20), Alcione publicou um vídeo em seu Instagram dedicado ao presidente Jair Bolsonaro.

No desabafo, a cantora revela seu voto nas eleições e fala sobre respeito: "Presidente Bolsonaro, eu não votei no senhor e não me arrependo. Eu sou uma brasileira que não torço contra o governo, não sou burra. Eu sei que se torcer contra, estou torcendo contra o meu país. Agora meu pai sempre me dizia, que meu avó já dizia para ele: “QUEM QUER RESPEITO, SE DÁ”. E o senhor não está se dando respeito. O senhor precisa respeitar o povo nordestino.  RESPEITE O MARANHÃO.", disse no início.

Ao final, a marrom ainda trouxe à tona o atentado sofrido por Bolsonaro, como então candidato à presidência: "O senhor tem medo de facada, tem medo de tiro, mas o senhor precisa ter medo do pensamento. O pensamento é uma força. Pense em mais de 30 milhões de nordestinos pensando contra o senhor? Comece a nos respeitar. RESPEITE O POVO BRASILEIRO."

Muitos famosos comentaram na publicação. Alice Wegmann e Fernanda Paes Leme foram algumas das atrizes que aprovaram o discurso. Zelia Duncan frisou uma frase dita por Alcione no vídeo: "O senhor perdeu pro senhor mesmo".

Entenda

Na tarde da última sexta-feira (19), durante uma reunião em Brasília, Jair Bolsonaro disse: "Dentre os governadores de 'paraíba', o pior é o do Maranhão. Não tem que ter nada com esse cara."

Segundo informações do UOL, o deputado federal Márcio Jerry - vice-líder do PCdoB na Câmara - irá representar na Procuradoria-Geral da República e pedir uma investigação contra o presidente.


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!