Declaração

Empresário de Justin Bieber se preocupava com overdose do astro

"Eu pensei que ele ia dormir uma noite, com tanta porcaria no organismo, que ele não acordaria na manhã seguinte", declarou.

Divulgação
Divulgação

Publicado em 13/09/2018 às 20:41:11

Por: Redação NT

O empresário Scooter Braun, que cuida da carreira de Justin Bieber, revelou que em determinada época pensou que o astro iria morrer de overdose. O áudio foi gravado no podcast "The Red Pill".

"Teve uma época em que eu ia dormir quase toda noite - quando ele já tinha dinheiro para voar para longe de mim - e me preocupava que pudesse perdê-lo. Eu achei que ele fosse morrer. Eu pensei que ele ia dormir uma noite, com tanta porcaria no organismo, que ele não acordaria na manhã seguinte", declarou Braun.

Por diversas vezes ele tentou intervir, mas Bieber gritava e pedia para sair da turnê ou lançar músicas. "Eu acho que ele fez uma escolha consciente para mudar. Por um ano e meio eu falhei em ajudá-lo. Até que um dia ele me procurou e disse que não seria ser mais 'essa pessoa'. Quando ele aceitou a responsabilidade e se olhou no espelho, não se baseou nas outras pessoas, ficou por cima da situação", completou o empresário.

Os anos de 2013 e 2014 foram críticos para o astro, que chegou a ser preso por dirigir sob influência de substâncias.

Bieber tem sido visto frequentando igreja e academia ao lado da noiva, Hailey Baldwin.



publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!