Reportar erro
Eduardo Semerjian

Ator de "Poliana" já fez locução de vídeo motivacional para o Palmeiras: "Faço por amor"

Palmeirense de carteirinha, Eduardo Semerjian está em "As Aventuras de Poliana" e foi um importante personagem da série "O Negócio", que terminou neste ano na HBO

eduardosemerjian2108_c39cf93364bdf5c38843690d2c774886a0f38601.jpeg
Eduardo Semerjian é Salvador em "As Aventuras de Poliana" - Divulgação/Heloisa Bortz
Thiago Forato

Publicado em 21/08/2018 às 07:01:05

Atualmente em cartaz como o professor Salvador em "As Aventuras de Poliana", Eduardo Semerjian também esteve na última temporada de "O Negócio", da gigante HBO, sucesso em vários países da América Latina, Europa e até da Ásia.

Gravando pelo SBT desde setembro do ano passado, ele encara um papel diferente daquele da série. Enquanto Salvador é um professor de Artes espontâneo, Cesar também era um professor em "O Negócio", mas de esgrima e homossexual. "Este é meu maior prazer como ator: poder explorar personagens que não tenham nada a ver um com o outro", conta em entrevista ao NaTelinha.

Para o ator, Salvador é um apaixonado pela arte, provocador e divertido. "Estou me divertindo muito fazendo 'As Aventuras de Poliana'", comemora ele, ressaltando que seu personagem é um daqueles que pensam fora da caixinha: "E saem dos estereótipos de como se deve comportar em sociedade fazem com que reflitamos sobre nossa espontaneidade".

Hoje em dia, apenas a TV Cultura e o próprio SBT mantêm uma programação infantil diária. A Globo, por exemplo, aboliu seu último programa do gênero em 2012, com a chegada do matinal de Fátima Bernardes. "Penso o seguinte: se por um lado, estamos vendo uma diminuição do número de emissoras que investem em vários segmentos, por outro temos vários canais que se especializaram em programas para a criança e o adolescente, transformando o formato da segmentação: em vez de segmentar dentro das próprias emissoras produzindo para várias áreas, elas estão preferindo se especializar em cada segmento", analisa.

Ator de \"Poliana\" já fez locução de vídeo motivacional para o Palmeiras: \"Faço por amor\"

Dessa forma, para Eduardo, hoje já existem canais especializados em filmes, esportes ou programação infantil: "SBT e Cultura são, historicamente, produtores de programas para crianças. E sendo as duas únicas que produzem para crianças na TV aberta, acabam atingindo um público enorme: o dos que não tem condição de ter uma TV a cabo, além dos que escolhem estes canais, mesmo tendo TV fechada à disposição".

Sucesso internacional

"O Negócio" chegou a sua quinta e última temporada em 2018. A primeira foi ao ar em 2013. Eduardo considera o produto da HBO como marcante, e lista as razões: "Entre elas, primeiro porque eu comecei convidado pra fazer uma participação rápida na primeira temporada. Porém, logo na segunda, já trabalhei o equivalente a um quarto das diárias da série à época e fui recompensado ao me tornar parte do elenco fixo. Na terceira e quarta temporadas, meu personagem continuou crescendo. Além disso, tive o prazer de fazer uma dupla de sucesso com o Guilherme Weber (o Ariel na série), tremendo ator e por quem tenho muito carinho. Cesar, meu personagem, tornou-se uma espécie de 'meio de ligação' entre os personagens da Oceano Azul (depois Blue) e foi ganhando histórias próprias".

Lançada simultaneamente em 52 países, "O Negócio" só não é mais vista por aqui que "Game of Thrones": "Meu personagem cresceu seguidamente na primeira série de TV fechada a atingir quatro temporadas. Crescer assim numa série desse porte é um elogio indireto maravilhoso ao meu trabalho".

Ator de \"Poliana\" já fez locução de vídeo motivacional para o Palmeiras: \"Faço por amor\"

Por tratar de prostituição e sobretudo num canal premium, "O Negócio" é recheada de cenas de sexo. O personagem de Eduardo, no entanto, teve apenas uma cena, onde num dos episódios, os personagens aparecem numa espécie de clipe transando.

"O tema e a estética da série sempre envolveram nudez e sexo, então nada mais natural que mostrar outros personagens, que não apenas as quatro garotas principais, em cenas dessa natureza. A diferença era justamente a de meu personagem ser gay. Mas foi bom ela acontecer para que esse tabu também caia. Todo mundo sabe que a homossexualidade acontece desde sempre, e escondê-la justamente numa série como 'O Negócio' poderia soar hipócrita. Felizmente, os roteiristas, a direção, os atores envolvidos e a própria HBO acharam que era absolutamente cabível ter essa cena. Foi tudo muito respeitoso e natural, e fico feliz de ter podido contribuir para o combate a mais esse preconceito. E ademais, o final todo desse episódio acabou ficando esteticamente lindo", pontua.

Palestra

O ator é palmeirense literalmente de carteirinha, como faz questão de dizer. Seu pai o associou ao clube quando tinha apenas um ano de idade, e cresceu brincando nas piscinas e alamedas do Palmeiras. "Já fiz locução de vídeos motivacionais para os jogadores profissionais", relembra.

Ele cita quando o jornalista Mauro Beting o convidou para narrar um texto de sua autoria em 2015, e que foi mostrado aos atletas nos vestiários, antes da semifinal do Campeonato Paulista contra o Corinthians. "Nesse dia empatamos no tempo normal, e fomos à final após dois pênaltis defendidos pelo Fernando Prass, numa disputa de matar qualquer um do coração. Acabei fazendo mais algumas dessas locuções, e estou sempre disponível para quaisquer ações que o Palmeiras precise de mim e sempre sem cobrar um centavo. Faço por amor", garante.

Ator de \"Poliana\" já fez locução de vídeo motivacional para o Palmeiras: \"Faço por amor\"

O palmeirense, aliás, tem muito a comemorar. Depois da volta do técnico Luiz Felipe Scolari, o Felipão, o Palmeiras está há sete jogos sem tomar um gol sequer. "Sempre o admirei [Felipão] e sem dúvida, está entre os cinco maiores técnicos da história do clube. Mas confesso que essa volta dele foi uma incógnica para mim", diz ele, ressaltando os dois anos e meio que o técnico passou na China e por ter participado da campanha que culminou no segundo rebaixamento da história do Palmeiras em 2012.

Apesar disso, Semerjian não esquece: "Mas é inegável: ele é um ídolo do clube. Espero que continue nessa toada. Seria maravilhoso vê-lo dar a volta por cima na carreira".

Mais Notícias
Outros Famosos