Ponto de Vista

Sem história, romance extraconjugal de "Órfãos da Terra" é fraco e não convence público

Casal formado por Marco Ricca e Carol Castro não teve química e não se explica

Sem história, romance extraconjugal de
Elias e Helena: casal que viveu romance às escondidas não convenceu público - Foto: Reprodução

Publicado em 22/06/2019 às 09:27:00

Por: Laís Lubrani

Nos últimos capítulos de "Órfãos da Terra", os telespectadores puderam ver o desenrolar do romance entre Helena (Carol Castro) e Elias (Marco Ricca), que transcendeu o casamento do árabe e desperdiçou as cenas desses dois ótimos atores.

Na trama, Helena foi casada com o melhor amigo de Elias, que acabou morrendo na guerra. A fim de cumprir a promessa que o amigo havia feito, Elias procura a mulher para entregar um presente comprado pelo marido. Assim, os dois iniciaram um tórrido romance, que chegou até mesmo a gerar um filho.

O fato é que o romance entre os dois foi muito rápido e extremamente mal construído. Nas cenas em que o casal aparecia na telinha, parecia que tudo era muito falso - mais falso do que costuma ser por se tratar de novela - e de fato não convenceu ninguém.

Também pudera. O brilhante talento de Ana Cecília Costa - que interpreta Missade, a esposa traída - não deixou espaço para o romance fora do casamento. Junto com Marco Ricca, Ana Cecília construiu cenas verossímeis de um casal de fato apaixonado e de uma família feliz - quase de comercial de margarina.

Assim, todas as cenas em que Elias e Helena apareciam juntos nos dava a sensação de traição, de fato. Não houve sequer uma cena que nos convencesse de que eles de fato estariam apaixonados.

A falsa paixão gera inclusive muitos questionamentos: por que Helena se encantaria pelo melhor amigo do marido que morreu? Ela nem ficou de luto? Qual a razão para que um pai de família, que abomina qualquer tipo de atitude que não preze pela tradição, encontre em uma mulher fora do casamento, o amor verdadeiro?

Aliás, a revelação da gravidez de Helena para Missade só comprovou isso: imediatamente Elias se fez de desentendido e humilhou a amante, dizendo que ela não era de fato, o que ele acreditava. O que nos faz retomar um outro questionamento: ele nunca a conheceu de fato para iniciar um relacionamento assim.

A cena termina com ele propondo à Missade um recomeço no relacionamento e pedindo perdão pelo o que fez, cena típica de marido traidor, mas que nesse caso também reforça a fragilidade do sentimento construído fora do casamento.

Nas redes sociais, chegaram a comparar o casal Elias e Helena com o formado por Caio Castro e Agatha Moreira em "Novo Mundo". Na novela das seis, eles interpretaram Dom Pedro II e Domitila e a maravilhosa atuação de Letícia Colin como a mulher oficial apenas deixou o romance em segundo plano.

"Órfãos da Terra" deixa, portanto, os telespectadores sedentos por uma boa história, que vá além da trama principal. A de Elias e Helena não agradou, não vai deixar saudade e se quiserem que continue, vai ter que resgatar muito daquilo nem apresentado: faltou química, faltou veracidade e sobrou ranço.


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!