Sandro Nascimento
Reportar erro
Análise

De fracasso, como a Globo transformou "O Outro Lado do Paraíso" em um fenômeno de audiência

claravoltatriunfal-ooutroladodoparaiso2_96d4ab1b3002492e6a02340f68fbfe42fdc333e1.jpeg
Divulgação/TV Globo
Sandro Nascimento

Publicado em 11/05/2018 às 19:41:54

Existem muitas críticas relacionadas a abordagem na história de "O Outro Lado do Paraíso", mas ninguém pode tirar o mérito de Walcyr Carrasco, em comum acordo com a Globo, da façanha de estancar uma tendência de fracasso dos primeiros capítulos e transformar o folhetim num dos grandes sucessos de audiência da emissora nos últimos seis anos.

Por esse desempenho, "O Outro Lado do Paraíso" se tornou um novo case de como salvar uma novela exibida no horário nobre da televisão.

Na primeira semana, a história da vingança de Clara (Bianca Bin) se consolidou com 30,9 pontos, e na semana posterior, 28 de média, segundo dados da Kantar Ibope na Grande SP.

Em determinados dias, alcançou números inferiores a uma produção da faixa das 19h, contrariando uma regra da emissora.

Diante deste cenário, a Globo agiu rápido, mexeu no roteiro, cortou cenas, amenizou situação polêmicas, mudou o perfil dos personagens gays e produziu chamadas explicativas do principal enredo da trama, quase didáticas, intensificando sua  exibição ao longo da grade.

De fracasso, como a Globo transformou \"O Outro Lado do Paraíso\" em um fenômeno de audiência

A virada no desempenho do Ibope de "O Outro Lado do Paraíso", em decorrência destes esforços, ocorreu no capítulo 45, quando Clara teve seu retorno triunfal a Palmas com a frase: "Vocês não imaginam o prazer que é estar de volta!”.

Na mesma semana, a novela já tinha batido três recordes de audiência.

De lá pra cá, teve inúmeras reviravoltas e se tornou um fenômeno de público apesar de todos os chavões e obviedades da sua história e as dificuldades de alinhavar tudo isso com qualidade.

A Globo, para salvar "O Outro Lado do Paraíso", seguiu uma fórmula, uma cartilha e teve o êxito. Mas o know how de Walcyr Carrasco foi o elemento imprescindível na transmutação de fracasso em sucesso.