Reportar erro
Polêmica

BBB20: Ex-Casa de Vidro critica Daniel: “O mínimo é respeitar”

Renata aproveitou a onda da polêmica para falar de Daniel

Renata, participante da Casa de Vidro do BBB20
Renata aproveitou a onda e detonou Daniel, seu colega de Casa de Vidro no BBB20 - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 05/03/2020 às 20:15:57

No BBB20, Renata participou da Casa de Vidro e disputou uma vaga na sede do reality show com Ivy, mas esteve confinada com Daniel. Nesta quinta-feira (5), ela usou os stories do seu perfil do Instagram para comentar sobre o comportamento do ativista no programa.

A professora de educação física postou várias manchetes de reportagens que mostravam as punições que o gaúcho levou no confinamento e analisou o comportamento do seu ex-colega na festa da última quarta-feira (4). “Ele já não cumpria regras na Casa de Vidro”, revelou.

“Antes de entrar no BBB, a gente fica alguns dias confinados no hotel, e os produtores passam lá e ensinam tudo para gente. Eles explicam tudo, fazem a gente tirar e colocar o microfone dez vezes, até aprender”, contou a ex-sister.

“Então, não tem como você dizer que entrou lá sem saber as regras do programa, porque eles são bem claros e repetitivos. O Big Brother não é colônia de férias, é um jogo muito sério e tem uma equipe gigante por trás daquilo, trabalhando dia e noite sem parar e acho que o mínimo é respeitar”, disparou.

Renata relatou aos seus seguidores que a convivência foi o brother foi difícil porque ele não seguia as determinações da direção. “No primeiro dia, a produção deixou a gente mais solto lá, mas depois viram que o negócio saiu um pouco do controle. Então eles começaram a falar: 'Não subam nos móveis'. A partir desse momento, não subi em mais nenhum, mas o Daniel continuava subindo na poltrona, na mesa, nas coisas, e era perigoso até para a segurança dele mesmo”, afirmou Renata.

Irritação com Daniel

Mesmo com os pedidos da direção, o ativista continuou se comportando de maneira inadequada, de acordo com Renata. “A partir do segundo dia, a produção pediu para não batermos no vidro. Quem continuava espancando o vidro toda vez que se sentia animado? Daniel”, lamentou.

Ela ainda expôs que se irritava com a troca de microfone, porque o gaúcho demorava para obedecer as determinações da produção. “Um dia eu falei: ‘Daniel, você ouviu?’. Me dava agonia, ele não obedecia regras”, finalizou.

Mais Notícias