Brasil Urgente

Datena critica antecipação de Corpus Christi em SP: "Perguntaram para a igreja?"

Apresentador discorda que feriadão manterá população em casa

Datena critica antecipação de Corpus Christi em SP:
José Luiz Datena critica feriadão em São Paulo

Publicado em 19/05/2020 às 17:31:35 ,
atualizado em 19/05/2020 às 18:31:14

Por: Paulo Pacheco

José Luiz Datena criticou a antecipação de feriados em São Paulo proposta pela Prefeitura e pelo governo estadual para forçar o isolamento social durante a pandemia de coronavírus. No Brasil Urgente, o apresentador ressaltou a mudança de uma data religiosa, Corpus Christi, e ironizou a medida.

"Perguntaram para a Igreja ou para Jesus Cristo se podia antecipar Corpus Christi? Daqui a pouco nós estamos no Ano-Novo e não sabemos. ‘Então agora vamos juntar Natal e Ano-Novo…’ mas e quando chegar o Natal e o Ano-Novo? Faz de novo. Em vez de mudar para 2021, muda para 2022. Se antecipar o Natal, vou ter duas alegrias, porque minha mulher faz aniversário no dia 25 de dezembro. Vou dar um presente para ela no Natal, que deve ser semana que vem, e depois no dia 25, que seria Natal de que ano? 2021?", disse o jornalista.

O prefeito Bruno Covas e o governador João Doria justificaram a antecipação alegando que nos últimos feriados (Páscoa, Tiradentes e Dia do Trabalho) houve recorde de isolamento social na capital paulista. Datena discordou que o feriadão manterá a população em casa.

"Não dá para entender, eu acho que os caras estão perdidos. Para quê antecipar feriado? Você acha que a quarentena está sendo cumprida? Não. Quando falam que 49% das pessoas estão cumprindo a quarentena, eu duvido. A maioria está na rua e o comércio na periferia está funcionando porque o cara precisa comer. Como o cara vai ficar preso dentro de casa sem comer? O auxílio emergencial que chega é pouquinho", afirmou.

publicidade




LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!