Prestígio

Cinco "jantadas" de Gabriela Prioli no Grande Debate que deram o que falar

A comentarista conquistou fãs com seu posicionamento

Cinco
Gabriela Prioli na CNN Brasil - Foto: Montagem

Publicado em 31/03/2020 às 06:41:00

Por: Redação NT

Assim que estreou na CNN Brasil, no dia 16 de março, rapidamente a popularidade de Gabriela Prioli cresceu nas redes sociais. A advogada ganhou apoio de parte dos internautas ao anunciar sua saída do quadro o Grande Debate, alegando que estava sendo impedida de manter qualidade na discussão, já que era constantemente interrompida e vídeos com suas opiniões deixando o opositor sem graça acabaram viralizando.

Apesar de não fazer mais parte do quadro, ela continua chamando atenção na web. A cantora Anitta, por exemplo, amiga de Gabriela, saiu em sua defesa, destacando a sua inteligência. "Ela não teve infância rica, ralou muito pra estar onde está hoje e fez isso tão bem que chegou a um patamar onde não precisa acordar todo dia de manhã cedo pra aturar machismo e inveja de quem não consegue chegar no nível intelectual dela. Ela nao é rica, mas é fina (ô se é) então nao entraria num debate pra fazer barracaria ao vivo. E não limitar suas falar só pra manter o nivelamento intelectual das outras pessoas escolhidas pra estarem ali com ela", declarou a funkeira.

Felipe Neto também elogiou a comentarista e a parabenizou por ter pedido para sair do Grande Debate. "A CNN não quer debate e sim Casos de Família. Gabriela Prioli está certíssima", disparou o youtuber.

Por conta disso, o NaTelinha fez uma lista de cinco momentos que a profissional foi elogiada na web pelo seu posicionamento na CNN Brasil.

Confira:

Interrompida

Tomé Abduch, que tem visão oposta de Gabriela, afirmou que sua colega apenas criticava o governo de Jair Bolsonaro e a advogada não gostou muito da visão do rapaz, rebatendo-o.

“Tomé, eu abri minha fala falando que era uma boa notícia a posição do governo no sentido de destinar recursos para os estados e municípios...”, respondeu Gabriela, sendo interrompida por Tomé. A advogada continuou sua linha de raciocínio, mas novamente seu “oponente” atropelou sua fala.

Impaciente, ela não se calou: “Pode me dar licença que eu estou falando”. Logo em seguida, terminou seu discurso. “Eu iniciei minha fala fazendo um elogio ao Governo Federal por ter uma postura de se reunir com os governadores. Está na minha primeira fala”, acrescentou. Como Tomé a interrompeu novamente, ela soltou uma risada irônica.

Reação de Gabriela Prioli

O Grande Debate colocou em pauta para discussão se o STF agiu corretamente ao negar condicional a presos por novo coronavírus. O posicionamento de Tomé era que os presidiários continuassem na prisão.

“Nossas famílias vão estar completamente expostas, a gente não sabe o que pode acontecer. Vamos supor que falte comida no Brasil, como tem faltando em outros países do mundo, e eventualmente essas pessoas estão em locais mais simples e tenham uma tendência para cometer crimes possam estar saindo para assaltar as nossas casas. Não quero ter esse tipo de pessoa neste momento”, afirmou Tomé.

Gabriela Prioli não escondeu sua insatisfação, colocando a mão no rosto, abaixando a cabeça e respondendo: “Que absurdo”. Claro que a postura da comentarista chamou atenção e virou meme nas redes sociais.

Gabriela Prioli pede fim de egoísmo

Gabriela analisou o pedido de Bolsonaro para que os brasileiros voltassem a trabalhar durante a pandemia do novo coronavírus. A advogada não gostou nem um pouco e criticou o presidente.

“Eu gostaria de propor um raciocínio sobre o que a gente está pedindo do povo brasileiro. A gente já pediu para o povo brasileiro que faça concessões em relação à sua aposentadoria, aos seus direitos trabalhistas. A gente diz para o povo brasileiro que a gente não tem dinheiro para dar uma condição de vida digna a idosos e deficientes miseráveis. Agora, com esta crise do coronavírus, a gente vai pedir para o trabalhador informal para ele ficar em casa sem receber, vai pedir para o comerciante aguentar as pontas sem vender, para os profissionais de saúde que enfrentem os desafios que estão por, vir sem esmorecer. Em troca de isso tudo que a gente está pedindo do povo brasileiro, a gente tem um presidente da República que não consegue se comportar como um verdadeiro líder de estado. Então, o que a gente está pedindo é que o presidente governe com responsabilidade e não descumpra as orientações técnicas do seu ministro. O povo pode ir para as ruas desde que isso não signifique um risco para saúde e a economia da nação. A gente precisa ter responsabilidade com o outro e parar de ser egoísta”, disparou.

Oposição ao presidente

Caio Coppolla se mostrou favorável aos protestos convocados por Jair Bolsonaro, enquanto Gabriela Prioli não gostou nem um pouco do posicionamento do presidente, opondo-se ao seu colega de CNN Brasil.

“Ele mente dizendo que não convocou as manifestações, sendo que ele fez uma fala pública, chamando as pessoas para as ruas, em Roraima. E é curioso, quando ele diz que a gente precisa deixar de lado a picuinha depois de ter passado o dia inteiro chancelando manifestações, que aconteceram no meio de uma pandemia”, afirmou.

“Bolsonaro mantém uma personalidade tão egoísta, que ele é capaz de colocar o interesse dele em detrimento do interesse do povo brasileiro”, acrescentou. Nas redes sociais, internautas disseram que Prioli “jantou” Coppolla.

Conflito com Gottino

A última participação de Gabriela aconteceu na última sexta-feira (27), quando estava debatendo com Tomé e foi interrompida por Gottino. O mediador afirmou que ela estava dando opinião, mas a advogada rebateu.

“Estou fazendo uma análise técnica, fazendo uma crítica porque eu acho que se a gente levar a discussão pro achismo, sem ter profundidade pra analisar o problema, nós vamos proporcionar soluções sem conhecer o assunto”, disparou.

No fim, ela concluiu: “É isso que estou pedindo, Gottino. É que a gente não entregue ao pessoal que tá assistindo ao nosso programa uma opinião absolutamente dissociada de uma análise mais profunda da situação”.




publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!