Show Maravilha

Há 35 anos, Mara chegava ao SBT e foi arma para bater Xuxa e "TV Colosso" no Ibope

Mara comandou o infantil "Show Maravilha" por sete anos no SBT

Há 35 anos, Mara chegava ao SBT e foi arma para bater Xuxa e
Divulgação/SBT

Sandro Nascimento
i

Sandro Nascimento

O jornalista Sandro Nascimento assina colunas e reportagens exclusivas no NaTelinha. Também é correspondente da agência de notícias ZOOMINTV. Twitter: @SandroNascimm / E-mail: sandro@natelinha.com.br

Publicado em 10/05/2019 às 06:40:27

Há 35 anos, completados em abril, Mara Maravilha era contratada pelo SBT e se tornava a principal arma da emissora para disputar o reinado infantil de Xuxa na Globo e bater a "TV Colosso" na audiência.

"Silvio Santos viu um programa que eu fazia na Bahia, o ‘Club do Mickey’. Nos conhecemos pessoalmente quando eu fui cantar no programa ‘Vamos Nessa’, que ele apresentava. O Silvio me contratou. Mandou a secretária ir até a Bahia e resolver os detalhes. Terminei os meus estudos daquele ano e já vim pra São Paulo para participar do ‘Show de Calouros’ como jurada”, conta Mara ao NaTelinha. Nessa época, a baiana tinha 16 anos e passou a ganhar o salário de 800 mil cruzeiros.

Confira a imagem da carteira de trabalho da apresentadora na época, com a contratação do SBT, obtida com exclusividade pela reportagem:

A estreia de Mara na emissora aconteceu no dia 08 de maio de 1984, no programa "Vamos Nessa", justamente onde Silvio Santos a conheceu pessoalmente.

Show Maravilha

Em 1987, quase três anos depois, ganhou seu programa solo, o "Show Maravilha".  A baiana foi a primeira apresentadora infantil que conseguiu furar a hegemonia do Bozo na grade do SBT. O palhaço chegou a ter 12 horas diárias ao vivo no canal.

"Ela conseguiu o que imaginávamos impossível. Dobrou a audiência do programa do Bozo que ocupava o horário do Show (Maravilha)", disse Flávio Carline, diretor do programa na época e ex-produtor do palhaço por cinco anos, em entrevista à revista Domingo em 1987, dois meses depois da estreia.

Após ocupar o período da tarde, o "Show Maravilha" foi transferido para a manhã e chegou a bater a "TV Colosso" no Ibope e atingir índices próximos ao "Xou da Xuxa", ambos da Globo. "Chegou a ser líder de audiência", relembra Mara Maravilha, que chegou a ter cinco horas diárias na grade do SBT.

À reportagem, a apresentadora conta que neste período já se preocupava com os números do Ibope. "Até hoje me preocupo. A audiência e o comercial vivem juntos, como o coração e a cabeça", pontua.

Mesmo tão nova, Mara lembra que sempre ficou à frente de todos os detalhes do programa, e explica: "Bem, a  época era outra, hoje as produções são grandes, então fica muito mais tranquilo. Mas a gente dava opinião, sugestão, afinal a vitória é em equipe". 

Atualmente com 51 anos, Mara Maravilha participa do quadro "Jogo do Pontinhos" no "Programa Silvio Santos" e vem tendo seu nome cogitando pra retornar à apresentação do vespetino "Fofocalizando".

"Eu obedeço ordens", despista, ao ser questionada sobre a possibilidade  de voltar ao programa de fofocas.


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!