Fiasco

Primeiro investimento do PlayPlus, "Terrores Urbanos" fracassa na Record TV

"Terrores Urbanos" não deixará saudades

Cena da série
Cena da série "Terrores Urbanos"

Publicado em 09/01/2019 às 20:30:23 ,
atualizado em 10/01/2019 às 09:39:48

Por: Naian Lucas

A primeira imersão da Record TV no universo da dramaturgia através de seu aplicativo de streaming, o PlayPlus, terminou como um fracasso na TV aberta.

Exibida na faixa das 22h30, a série “Terrores Urbanos” não atingiu índices satisfatórios para a emissora e terminou a temporada com audiência tímida.

Ao longo dos seus cinco episódios – exibidos entre a terça-feira passada (02) e ontem (09) – a série não atingiu audiência superior a 5 pontos. Para se ter uma ideia, algumas semanas antes, a Record TV alcançava dois dígitos de audiência na faixa com seu reality show, “A Fazenda”.

A média final da produção do PlayPlus na Record TV foi de 4,8 pontos, bem abaixo do que a emissora mantinha ao longo de todo o ano de 2018, por volta de 8 pontos.

Vale ressaltar que, conforme reportagem exclusiva do NaTelinha, o aplicativo de streaming da emissora atingiu a meta estipulada para os próximos oito meses em apenas dois, muito graças à “A Fazenda”

A tirar pelos números de audiência, o universo das séries vai sofrer um pouco mais para atingir o mesmo sucesso. Vale lembrar que a concorrência é forte. Além do PlayPlus, o Brasil possui ainda outros streamings como a Netflix e o Globoplay, além disso, a Prime Vídeo está entrando no Brasil para produzir séries exclusivas.

Sobre a série

“Terrores Urbanos” foi ao ar em 2018 pelo PlayPlus e liberada para exibição na Record TV neste início de 2019.

A série é antológica, isso significa que cada episódio é independente com novos personagens sem ligação uns com os outros. Neste caso, a série acompanhou histórias de lendas urbanas brasileiras.

Veja os números de audiência de cada capítulo de “Terrores Urbanos”:

02/01 – 5,4
03/01 – 4,5
04/01 – 5,2
07/01 – 4,2
08/01 – 4,8



publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!