Coletiva

SBT lança série "Z4" pensando em sua longevidade

Protagonistas falam sobre seus desafios durante coletiva de imprensa

Foto: Gabriel Cardoso/SBT

Publicado em 18/07/2018 às 16:14:55 ,
atualizado em 18/07/2018 às 20:16:43

Por: Michele Marreira

Jornalistas e fotógrafos marcaram presença no Estúdio 1 do SBT na manhã desta quarta-feira (18), para o lançamento de "Z4", nova série do canal em parceria com Disney Channel, Formata Produções e Sony Music. O NaTelinha acompanhou tudo.

Elenco, direção e produção foram recebidos atentamente pela imprensa, que pôde esclarecer todas as dúvidas e curiosidades relacionados a esse grandioso projeto. "É uma série alto astral, divertida e com muita música. Passa uma mensagem positiva para o público", resume Leonor Correa, escritora responsável pela supervisão de texto. A direção é de Márcio Trigo.

A história começa com os feitos bem sucedidos do famoso produtor musical Zé Toledo, no passado. Porque sua realidade no presente é bem diferente do auge profissional que viveu na década de 80, ao revelar talentos da música brasileira que alçaram fama estrondosa.

No ostracismo total, há anos não emplaca artistas no segmento. Tudo muda ao ter uma brilhante ideia: montar uma boy band que se transforme em fenômeno no cenário musical. Assim nasce a banda "Z4". "Estava com saudade de fazer comédia. Ele se faz de durão, mas tem coração mole. Gosto de fazer as pessoas rirem, sempre fui o palhaço da família", revela o ator Werner Schünemann, intérprete do criador do grupo.

Após 15 anos dedicados a diversos trabalhos na Globo (sua última novela foi "Tempo de Amar"), o eterno galã dos folhetins resolveu se enveredar por novos desafios na carreira. Revisitando, inclusive, parte de sua história pessoal na construção de seu novo personagem. "Aos 17 anos montei minha primeira banda de rock. Sou um cara que ouve música de todos os gêneros. Compus canções para os meus filhos quando eles nasceram. Estou num momento feliz. Foi um trabalho bem conduzido, não teve estresse. Como carreira é um ponto inicial. Ao longo dos anos a gente acaba ficando numa espécie de forma", completa.

Z4: da ficção para a vida real

Pedro Rezende (personagem Luca Muller): "Tive muita dificuldade com a dança. Foi complicado. Mas como nossa preparação começou bem antes foi essencial nesse processo".

Gabriel Santana (Paulo Almeida): "É uma responsabilidade de toda nossa equipe falar sobre sonhos".

Apollo Costa (Enzo Molinari Ribeiro): "Assim como os meninos da série, batalhamos diariamente para alcançar nossos objetivos. É um ponto inicial para um sucesso enorme, tenho certeza".

Matheus Lustosa (Rafael Fontes Alegria): "Estou honrado com esse trabalho".

Na década de 80, o próprio SBT ajudou no estrelato de boy bands como Polegar, Dominó e mais para frente, nos anos 90, talentos no segmento explodiram como o Twister, You Can Dance, Br'oz, dentre outros.

Diretor artístico da emissora, Fernando Pelégio diz que o projeto terá duas temporadas com 26 episódios de meia hora cada. "A banda fomentará a série. Creio na longevidade, porém, os resultados é que vão dizer o futuro da 'Z4'. É algo muito caro por isso tantas parcerias. Precisa dar prestígio, boas vendas e audiência", ressalta.

O elenco conta ainda com nomes como Manu Gavassi, Patricia de Sabrit, Bárbara Bruno, Negra Li, Nicholas Torres, Stephanie D'Amico, entre outros.

Além da série, a banda Z4 deve fazer turnê pelo país e suas músicas devem ser tocadas nas rádios.

"Z4" estreia no SBT em 25 de julho, a partir das 21h30, e dia 30, às 19h, no canal Disney Channel.



publicidade

TAGS:

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!