Reportar erro
Pandemia

Novelas na Globo e Record voltam a ser gravadas com tensão e medo do coronavírus

Produções estão seguindo protocolos de segurança contra a doença

Adriana Esteves e Day Mesquita
Globo e Record estão adotando medidas de segurança contra a Covid-19 - Foto: Montagem
Daniel César

Publicado em 30/08/2020 às 07:01:00

Nas últimas semanas, Globo e Record voltaram a gravar suas novelas depois de uma pausa de mais de quatro meses por conta da quarentena provocada pela pandemia do coronavírus. Mas a volta dos trabalhos de Salve-se Quem Puder, Amor de Mãe e Amor Sem Igual, mesmo seguindo diversos protocolos de higiene para evitar o contágio, não significa que os profissionais envolvidos estejam trabalhando com tranquilidade, pelo contrário.

O NaTelinha apurou que tanto trabalhadores, tanto na área técnica quanto artística, têm se mostrado preocupados com o risco de contaminação pelo coronavírus, já que ambas as emissoras optaram por retornar aos trabalhos num momento em que o Brasil ainda estava no pico da Covid-19.

A Globo impôs uma série de restrições para a reabertura dos Estúdios Globo na área de dramaturgia. Comandado pelo diretor de produção, Ricardo Waddington, o rígido protocolo foi até alvo de reportagem no Fantástico para explicar aos telespectadores os cuidados que a emissora tomou com seus profissionais.

A volta, no entanto, foi alvo de diversas discussões entre os executivos da casa, já que a opção para evitar aglomerações foi retornar apenas duas tramas: Amor de Mãe e Salve-se Quem Puder. Para evitar lançar mão de novas reprises, a Globo decidiu que os folhetins inéditos somente entrarão no ar a partir de 2021 e foram encurtados, o que gerou desavenças entre a cúpula do canal.

E desde que o retorno aconteceu, a tensão tem sido a palavra de ordem nos bastidores. Funcionários que pediram para não ser identificados relataram que o medo de contaminação vem assombrando a cada novo dia de trabalho. Todos concordam que a Globo tem tomado todos os cuidados possíveis, mas a intensa movimentação no estúdio torna a segurança vulnerável e há o risco de contágio, tanto que a emissora providenciou milhares de testes rápidos que são realizados periodicamente e em caso de suspeita da doença, o afastamento é imediato.

A área técnica tem sido considerada muito mais vulnerável que a artística, já que tem participado de um número de cenas maior que a de atores e atrizes. Maquiadores, figurinistas e, principalmente, câmeras e assistentes de produção já estão trabalhando no mesmo ritmo de antes da pandemia.

Novelas: Os artistas

Novelas na Globo e Record voltam a ser gravadas com tensão e medo do coronavírus

Mas artistas também estão sofrendo com a tensão do coronavírus. Nesta semana, Regina Casé, a intérprete de Lurdes, comemorou  o retorno de Adriana Esteves ao set de gravações. Nos stories do instagram, a atriz postou uma foto com a colega, ambas de máscaras, e comentou que ainda há o medo. "Finalmente ela chegou. Estava morrendo de saudades. Primeiro dia. Está com medinho ainda né? Mas vai melhorar, você vai acostumar", escreveu ela para os seguidores.

E tanto Amor de Mãe quanto Salve-se Quem Puder tiveram de enfrentar outro problema no cronograma de gravações por conta do coronavírus. Isso porque parte do elenco testou positivo para a Covid-19, como foi o caso de Deborah Secco e Jéssica Ellen. A Globo estipulou como protocolo que somente duas semanas após a constatação da cura é que um ator poderia entrar em estúdio.

Novelas: Record

Novelas na Globo e Record voltam a ser gravadas com tensão e medo do coronavírus

Na Record a situação não é muito diferente. A emissora já retomou as gravações de Amor Sem Igual, em parceria com a Casablanca, que chegou a demitir todos os seus funcionários no auge da pandemia. Os protocolos têm sido considerados muito rígidos, tanto que o elenco tem tido cronogramas diferentes de gravação para evitar a contaminação.

Ainda que praticamente todos os artistas da novela estejam trabalhando no máximo três vezes na semana, a tensão continua por conta do risco da doença, que segue avançando no Brasil, embora com os primeiros sinais de baixa nas duas últimas semanas.

O canal ainda não recolocou Gênesis, sua super produção bíblica, de volta aos estúdios, mas já tem mandado instruções para o elenco e a trama deverá voltar a ser produzida nas próximas semanas. A decisão é técnica e a orientação que a Record tem dado a seus funcionários, segundo apurou a reportagem, é para evitar o risco de contaminação e a novela tem uma estrutura de gravação mais complexa.

Em nota a Globo enviou a seguinte resposta: "Estamos vivendo uma pandemia e estão todos preocupados. Na TV e na sociedade como um todo. Mas o clima nos bastidores de gravação é ótimo, de muita parceira, respeito e responsabilidade: individual e com o coletivo".

E completou: "O protocolo é amplo e foi criado para oferecer o máximo de segurança para todos os colaboradores. Ele foi amplamente discutido com todas as equipes antes de sua implementação justamente para tirar dúvidas, acolher sugestões e deixar todos seguros de que a prioridade da Globo foi e sempre será a saúde de seus profissionais".

Procurada,  a Record não respondeu à reportagem.

Mais Notícias