SBT

Resumo semanal da novela O Que a Vida me Roubou, de 13/07/2020 a 17/07/2020

Confira tudo o que vai acontecer nos próximos capítulos da trama mexicana do SBT

Resumo semanal da novela O Que a Vida me Roubou, de 13/07/2020 a 17/07/2020
O Que a Vida Me Roubou - Foto: Divulgação

Publicado em 10/07/2020 às 15:00:16

Por: Redação NT

Confira o resumo semanal da novela O Que a Vida Me Roubou, de 13/07/2020 a 17/07/2020. A trama mexicana é adaptada por Angelli Nesma Medina, e vai ao ar de segunda a sexta no SBT, começando a partir das 17h15.

Resumo de segunda-feira, 13/07/2020 - Capítulo 61

Angélica e José Luis planejam o casamento de Esmeralda e Renato em um lindo jardim. Demétrio pede a Josefina que o acompanhe ao casamento de Renato. Graziela discute com Josefina, a ofende e diz que na festa vai envergonhar seu filho. Carlota convence Josefina a ir ao casamento. Sandro e Graziela estão em um restaurante conversando sobre Josefina e Demétrio. Sandro afirma que os “Mendonça” estão a um passo da falência e, por isso, casaram Demétrio com Josefina. Graziela, irritada, nega que a família tenha problemas econômicos. Durante a cerimônia, ofendem Esmeralda e Renato se enfurece. Alessandro e Montserrat falam do quanto são felizes. Montse, triste, diz que lhe dói muito que Angélica desconheça que expulsaram José Luis da marinha por um grave delito. Amélia nota a filha muito cansada e pede a José Luis que a leve para casa. Montse se aproxima para cumprimentar Angélica e pede que vá vê-la no dia seguinte, pois tem algo muito importante para lhe dizer. Josefina chega ao jardim onde se celebra o casamento de Renato e Esmeralda e, ao entrar, se encontra com Alessandro e Fabiola, perguntando se eles viram Demétrio. Fabíola mostra em que direção ele foi. Josefina encontra seu marido aos beijos com Virgínia. Demétrio, ao ser flagrado, tenta explicar a situação. Indignada, Josefina diz que jamais o perdoará por essa traição. Angélica diz a José Luis que está muito triste por não ter podido dançar com ele, mas seu corpo já não responde a seus comandos. Alessandro e Montserrat comentam o que Demétrio fez a Josefina. Josefina vai ver Graziela e ela tenta descobrir o que aconteceu para deixa-la tão irritada.

Resumo de terça-feira, 14/07/2020 - Capítulo 62

Montserrat chega para visitar Angélica. José Luis diz que Angélica está dormindo e insinua que ela foi até lá para vê-lo. Montserrat sai zangada e pede a José Luis que diga a Angélica que, se realmente deseja falar com ela, será muito bem vinda em sua casa. Fabíola chega de visita à casa de Angélica e elas conversam. Ao final, Angélica pede a Fabíola que, em nome da grande amizade que as une, esteja ao lado de José Luis quando ela morrer. Adolfo vai procurar Josefina na casa dos Mendonça e lhe dá uma flor. Josefina então descobre quem, por muito tempo, anonimamente, lhe dava diariamente uma flor. Alessandro descobre que seu administrador acaba de morrer em um terrível acidente e pede a Montse que o acompanhe para dar as condolências à família. Pedro Medina ordena que Ezequiel pergunte ao padre onde está o bilhete deixado por Joaquim. Prudência, madrinha de Angélica, diz a ela que o medico lhe deu apenas alguns dias de vida.  Angélica conta para a madrinha que comprou o bar “A Escondida”, onde dançava Esmeralda. Amélia diz que essa foi uma grande loucura. Angélica ri e diz que dançou lá em uma ocasião. José Luis chega à casa de Esmeralda e Renato para desabafar pelo que está passando com Angélica. Ezequiel e Carlota anunciam que vão se casar. Montse, com medo, sugere à tia que espere um pouco para ter certeza de seus sentimentos. Carlota diz que não tem idade para esperar. Josefina vai à sua casa e Tomas  diz que a aceita, desde que devolva o dinheiro que pegou das aplicações familiares e saiam de Água Azul o quanto antes. Josefina concorda pois diz se sentir feia, enganada e sozinha. Nádia diz a Montserrat que não deseja ter o bebê que está a caminho, por isso decidiu abortar e ir embora para a capital. Pedro Medina pede a Adolfo que mate o Padre, mas ele se nega a fazer. Pedro insiste e ainda exige que lhe traga uma prova de que eliminou o religioso. Demétrio chega para buscar Josefina. Tomás o expulsa e diz que estão de partida de Água Azul.

Resumo de quarta-feira, 15/07/2020 - Capítulo 63

Macário leva o padre de volta à sua casa e  fala sobre seu casamento com Sofia. Adolfo chega à casa do padre para pedir que ele o acompanhe até onde está Maria, pois Pedro a agrediu e por pouco não a mata. Victor diz a Alessandro que pretende levar Nádia para bem longe de Pedro para que possam começar uma nova vida. Nádia chega à clinica de abortos. Montserrat diz a ela que ainda dá tempo para se arrepender, mas Nádia segue com a enfermeira. Montse vai atrás delas e grita que Vitória é um lindo nome de menina. Padre Anselmo está esgotado e pergunta a Adolfo se falta muito para chegar até onde está Maria. Mas, num descuido de Adolfo, ele percebe que caiu numa armadilha. Adolfo saca uma arma e aponta para o padre. Adolfo entrega uma caixa a Pedro para provar que o padre Anselmo não será mais um problema para eles. Pedro, ao abrir a caixa, se depara com um conteúdo que lhe dá náuseas, e pede a Adolfo que tire aquilo de perto dele. Nádia confessa a Victor que está grávida e planejava abortar. Ele fica surpreso com a decisão que ela tomou sem consultá-lo. Nádia explica seus motivos e se despede, dizendo ser melhor assim. Sandro chega para ver Pedro e o encontra com seu cunhado. Pedro os apresenta dizendo a Sandro ter muitas expectativas quanto a Adolfo e espera que ele siga os seus passos. Demétrio fica horas do lado de fora da casa para falar com Josefina, para explicar o que aconteceu no casamento de Esmeralda e Renato. Josefina não deseja falar com ele, porém com a insistência ela aceita ouvi-lo. Tomás lembra a irmã de que tudo que Demétrio diz é mentira. Pedro vai ver o Juiz Gonzalo e diz que  está ali por um assunto referente a Alessandro Almonte, que suspeita que ele seja filho de uma camponesa, ex presidiária, mantida fora do convívio com a sociedade por ter assassinado um homem chamado Jacinto, com quem planejava se casar. O Juiz questiona o fato de Rosário ter supostamente matado alguém que amava. Pedro responde que possivelmente o falecido flagrou Rosário e Benjamin juntos e precisou ser eliminado. Graziela comenta com Carlota que foram enganadas por Josefina e as rosas que recebia eram de seu namorado, Adolfo, e não de Demétrio, que Josefina é uma hipócrita e ficou feliz por seu filho ter terminado o relacionamento.

Resumo de quinta-feira, 16/07/2020 - Capítulo 64

Josefina volta chorando e diz a Tomás que quer ir embora de Água Azul o mais rápido possível, pois percebeu que precisa amar a si mesma. Montserrat e Alessandro chegam para se despedir de Angélica. Ela pede aos dois que esclareçam as diferenças e parem de guardar ódio ou rancor de José Luis, que só quer ajudá-los. Demétrio fica pensativo recordando quando negou diante de Virgínia e Amélia que Josefina era sua esposa. Victor diz a Macário que Nádia está grávida e estão planejando fugir de Água Azul para formar uma família. Alessandro e Montserrat voltam para casa e encontram Sofia angustiada, pois levaram Rosário para ser interrogada. Alessandro pergunta se eram policiais, mas Sofia  diz que eles não estavam uniformizados. Alessandro parte atrás de sua mãe, mas é impedido de entrar onde a estão interrogando, por ordem de Pedro Medina. Alessandro pergunta a Pedro por que a odeia tanto, mas Pedro desconversa. Angélica se despede de José Luis, diz que o ama,  fecha os olhos e dá seu último respiro. José Luis chora e se lembra de cada momento vivido a seu lado. José Luis sai para avisar a família de Angélica que ela já está descansando. Fabíola chega e diz a José Luis que vai tirar Montserrat de sua vida. Rosário é interrogada por um juiz e Pedro Medina sobre sua situação legal e a veracidade de seu parentesco com Alessandro e Benjamin Almonte. Adolfo diz a Ezequiel que Pedro está interessado em fazer com que Alessandro perca toda sua herança. Rosário e Alessandro chegam em casa e pegam o testamento onde Benjamin o reconhece como filho e herdeiro. Tomás entrega a Graziela o cheque que combinaram , em troca da separação de Josefina e Demétrio. Graziela agradece Tomás pelo dinheiro extra, nesse momento chega Demétrio e diz não acreditar no que sua mãe está envolvida. Numa calorosa discussão, Demétrio agride Tomás. Graziela tenta detê-lo, mas é impossível.

Resumo de sexta-feira, 17/07/2020 - Capítulo 65

Prudência pergunta ao capitão Robledo se não há nada que se possa fazer a respeito da situação de José Luis, pois Angélica acaba de falecer. O capitão responde que já atrasou demais a detenção de José Luis e precisa cumprir a lei. Pedro agride Victor por intervir em uma discussão entre ele e Nádia e proíbe a esposa de voltar a vê-lo, aconselhando que ela procure outro homem que possa engravidá-la. Fabíola chega ao velório para dar suas condolências a José Luis, agradece a ele por ter feito Angélica feliz e o abraça. Nesse momento chegam Montserrat e Alessandro. Graziela vai buscar José Luis e leva consigo a urna com as cinzas de Angélica. José Luis vai à praia e sobe na lancha que Esmeralda e Renato alugaram, pois assim ele deseja se despedir das cinzas de Angélica, no mar, como lhe prometeu. Esmeralda propõe que aproveite para fugir, mas ele se nega. Quando ele volta o capitão Robledo e dois militares esperam para levá-lo para a prisão de Água Azul. 

Atenção: os capítulos podem sofrer alterações por escolha da emissora.

Fique por dentro das últimas novidades das novelas, assim como os resumos sempre atualizados no NaTelinha.





LEIA TAMBÉM

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!