Sete chaves

Fina Estampa: Tereza Cristina mata amante secreto de Crô e ele se revolta

Mordomo de Tereza Cristina teve dois relacionamentos na trama


Marcelo Serrado em Fina Estampa
Crô guarda segredo sobre amante - Foto: Reprodução/Globoplay

O personagem Crodoaldo Valério (Marcelo Serrado), mais conhecido como Crô, foi o grande destaque de Fina Estampa e responsável por guardar um dos mistérios da trama de Aguinaldo Silva: o seu amante. Na verdade, o mordomo de Tereza Cristina (Christiane Torloni) tinha dois amores.

Logo nos primeiros capítulos do enredo, uma cena mostra o mordomo com roupas íntimas conversando com um homem deitado em sua cama. A única parte do desconhecido que é apresentado ao público são seus pés com uma tatuagem de escorpião.

O relacionamento era tão secreto que Crô não permitia nem que sua sobrinha, Vanessa (Milena Toscano), soubesse quem era o seu amante. Contudo, por volta do capítulo 120, Fred (Carlos Vieira) passa a chantagear a perua por conta da sabotagem que ela cometeu no restaurante de René (Dalton Vigh).

O mordomo assiste sua patroa erguendo as mãos para empurrá-lo e solta um grito de desespero. Fred se assusta e perde o equilíbrio, caindo de vez escada abaixo. Na queda, o sapato de Fred sai e é mostrada a tatuagem de escorpião no tornozelo.

Crô sai correndo para socorrê-lo e tenta reanimá-lo, mas percebe o pior: o cozinheiro está morto por culpa da mulher que ele mais idolatra. Ela fica apreensiva e tenta convencer o empregado que tudo aconteceu sem que ela quisesse.

Os dois batem boca e Crô promete que irá denunciar a vilã, entretanto, ele desiste e segue a vida um pouco mais triste. Os seus companheiros de trabalho perguntam sobre Fred e o mordomo explica: "Morto. Foi embora para sempre! Me deixou viúva!".

Só que ele ainda continuará misterioso, já que tinha outro amante. Durante a trama, o autor Aguinaldo Silva levanta duas hipóteses: Baltazar (Alexandre Nero) e Ferdinand (Carlos Machado).

Crô guardou segredo em Fina Estampa

Fina Estampa: Tereza Cristina mata amante secreto de Crô e ele se revolta

O dono da rede de vôlei da praia se tornou um dos vilões e os telespectadores passaram a acreditar que Baltazar era o verdadeiro caso de Crô na novela. Porém, na cena final do personagem, ele aparece na cama com seu amor e deixa claro que não contaria quem estava em sua cama.

"Assim como o segredo de Perpétua, na novela Tieta, meu segredo também não será revelado para vocês", disse ele, olhando para a câmera. Na época, Aguinaldo Silva foi criticado por esconder o segredo.

O roteirista usou suas redes sociais para revelar quem ele gostaria como amante. “Na verdade, o amante do Crô era o dono da rede de vôlei, que acabou se tornando um dos grandes vilões da novela e eu achei que não pegava bem o Crô ter um amante que era um dos vilões”, declarou.

“As pessoas queriam muito que fosse o Baltazar, o motorista, mas ele era casado com a personagem da Dira Paes. Eu achava que seria uma coisa meio absurda existir aquela paixão entre marido e mulher e, ao mesmo tempo, ele ter um caso com o Crô”, acrescentou.

Mais Notícias