Últimas semanas

O sobe e desce de Maria da Paz na reta final de A Dona do Pedaço

Protagonista do horário nobre ainda não terá a vida tão doce quanto seus bolos

O sobe e desce de Maria da Paz na reta final de A Dona do Pedaço
Divulgação/ TV Globo

Publicado em 23/10/2019 às 05:50:00

Por: Laís Lubrani

O público de A Dona do Pedaço já está acostumado a ver Maria da Paz (Juliana Paes) sofrendo. Na reta final, a protagonista da novela assinada por Walcyr Carrasco ainda passará por poucas e boas, chorando e sorrindo em diversos momentos dos capítulos finais.

A boleira terá grandes decepções, mas também terá cenas quentes com o ex, além de recuperar a Bolos da Paz, momento muito esperado pelos telespectadores.

A Dona do Pedaço tem seu fim previsto para o dia 22 de novembro.

Confira o sobe e desce da personagem de Juliana Paes:

Em julgamento da filha, Maria da Paz se declara culpada

A partir do dia 9 de novembro, o público acompanhará o julgamento de Josiane (Agatha Moreira). A filha de Maria da Paz  finalmente estará nas mãos da justiça, mas a confeiteira fará com que a sequência tenha uma reviravolta, já que ela se considerará culpada.

A cena será assistida por grande parte dos personagens da trama, inclusive a mãe, que irá se sentar no banco das testemunhas.

A essa altura, os investigadores já terão exposto ao júri todos os crimes da it-girl. Além da boleira, a irmã e um amigo de Lucas (Kainan Ferraz) estarão como testemunhas.

Kim (Monica Iozzi), Fabiana (Nathalia Dill), Evelina (Nívea Maria) e Téo (Rainer Cadete) também serão convocados a depor. No tribunal as testemunhas irão falar sobre os fatos que envolvem a ré.

O ex de Josiane contará aos presentes sobre a tentativa de assassinato que quase tirou sua vida, cena que foi armada e arquitetada pela filha de Amadeu (Marcos Palmeira) assim que soube que o fotógrafo tinha em mãos a foto da morte de Jardel (Duio Botta).

No entanto, será no depoimento da mãe da assassina que os jurados irão se comover. A confeiteira irá se declarar culpada pelos crimes: "Eu falhei na missão mais importante na vida de uma mãe: eu não soube criar minha filha. Eu que errei, eu que quero ser presa".

A protagonista ainda irá se dirigir à filha: "Diz que tudo é mentira, diz que é inocente. Diz, que eu saio daqui deste banco e te abraço, te defendo até a morte".

Josiane dirá que é um truque da mãe e que a intenção é prejudicá-la. Maria da Paz então lembrará que ficou pobre após as armações da blogueira e também contará aos presentes sobre a descoberta do caso que a filha mantinha com o marido.

A todo momento, a pilantra irá interromper a mãe. Chegará a dizer em alto e bom som que não tinha orgulho nenhum da profissão da mãe.

A declaração será mais um motivo para que Maria da Paz emocione a bancada de júri: "Foi com essas mãos aqui, fazendo bolo, que eu te criei e dei de comer. E foi com essas mãos que te estraguei, te mimei..".

Em seguida, a tia de Vivi Guedes (Paolla Oliveira) voltará a se declarar culpada: "Não me importa mais quando você diz que sou brega, que sou boleira. Tudo isso aconteceu, seu juiz, seus jurados, talvez a culpa seja minha".

O promotor irá dispensar Maria da Paz e os jurados estarão atônitos. Tanto que, mesmo Josiane se considerando inocente dos crimes, ela será condenada a 30 anos de prisão.

Boleira afoga as mágoas com sexo

Mesmo querendo que a filha pague por tudo que fez, a confeiteira da novela das 21h ficará desolada com a condenação de Josiane. Mesmo assim, não deixará de recomeçar a vida.

Ela e Amadeu estarão conversando no quarto da boleira e ela estará chorando muito pela situação vivida e terá o desejo de reiniciar: "Eu queria tanto recomeçar a vida, começar tudo de novo..".

O advogado mostrará que sente o mesmo: "Eu também... Queria ter seu apoio, teu conforto. Se está cansada de chorar, se o corpo dói, me abraça", dirá.

A boleira irá confessar que o advogado é o único apoio que ela tem e ao final da cena, os dois estarão aos beijos, que terminarão, por sua vez, em uma noite quente.

O pai de Carlito (João Gabriel D'Aleluia) terá o trabalho de convencer o filho a aceitar o relacionamento dos dois e por fim, conseguirá.

O outro empecilho para o casal protagonista será Régis (Reynaldo Gianechini), já que Maria da Paz ainda demonstrará que nutre um sentimento pelo ex.

A sequência irá ao ar em 12 de novembro.

Protagonista confia, mas perde dinheiro

E por falar no playboy, Maria da Paz terá mais uma dor de cabeça: irá perder uma boa quantia em dinheiro.

A fim de mostrar que mudou, o irmão de Lyris (Deborah Evelyn) sairá da cadeia e pedirá uma quantia em dinheiro emprestada para Maria da Paz. A grana terá destino certo: a importadora de vinhos. Régis deseja reabrir o negócio.

Apostando na mudança do ex-marido, a boleira emprestará a quantia. Mesmo porque, a essa altura do campeonato, ela já terá descoberto que o dinheiro usado para abrir a nova confeiteira veio dele, e não de Téo.

"Ganhei o Best Cake, tô fazendo propaganda e tô vendendo tanto bolo que nem dou conta. Eu vou transferir o dinheiro pra você agora, faço do celular mesmo".

Antes de retomar sua vida, Régis irá para o cassino e é lá que o dinheiro muda de endereço: em vez de comprar o recomeço do playboy, comprará a ruína do personagem de Gianecchini.

Nesse momento, ele já terá pago sua dívida ao agiota, que estará feliz por vê-lo ali de novo, principalmente quando o playboy disser a palavra dinheiro: "Vou comprar um novo estoque, vou levando até conseguir me refazer".

Mesquita (Evandro Mello) terá uma ideia melhor: "É mais fácil arriscar na roleta. Eu sinto que hoje você ganharia muito. Eu tenho essa intuição, sabe? Sei quando alguém está com sorte".

Régis, a princípio, não irá cair na cilada, mas o "amigo" irá insistir, pensando em uma estratégia: "Você joga 10% do que tem, só arrisca isso 10%. Se oerder, para e só vai arriscando o que ganhar".

O filho de Gladys (Nathalia Timberg) irá ceder usando essa tática e quando começar a ganhar será induzido a apostar mais dinheiro.

Acreditando que a sorte e o agiota são bons conselheiros, ele irá arriscar tudo: "Vou botar todo meu dinheiro em fichas. Hoje o vermelho tá me dando sorte. Vermelho 12, eu boto todas as fichas no vermelho 12".

Ao final da cena, prevista para ir ao ar em 13 de novembro, Régis verá a bola cair no preto 13 e ficará arrasado: "Não é possível. Eu perdi. Perdi tudo".

Maria recupera fábrica e manda Fabiana pastar

É, nem tudo são flores. Às vezes são bolos, mesmo. Maria da Paz irá provar isso na reta final da trama e ter uma reviravolta bem doce.

Vivi descobrirá que sua tia biológica é a boleira e descobrirá em sua casa uma pasta verde, contendo o documento assinado por Maria da Paz e Josiane durante a venda de fachada da Bolos da Paz.

Contente pelo significado da papelada, a it-girl irá correndo ao encontro da confeiteira e apresentará a documentação: "Eu faço questão de entregar em suas mãos".

Antes de tudo, Amadeu irá certificar-se de que o documento tem validade jurídica e cuidará de tudo para que a fábrica retorne à antiga dona.

Com tudo organizado, eles irão até o local e não serão bem recebidos por Fabiana, que pedirá para que eles marquem horário. Maria da Paz será direta: "Não vou marcar hora na minha própria fábrica".

A megera acreditará que tudo não passa de uma ilusão da mãe de Josiane, mas ela explicará: "A Bolos da Paz é minha, Fabiana. E eu achei o documento que me devolve a posse da fábrica", dirá a boleira.

Fabiana ainda acreditará que tudo não passa de um truque, até que Amadeu permite que ela veja a documentação e já avisa: "Essa é uma cópia, não adianta rasgar".

Se fazendo de boazinha, dirá: "Jamais pensaria em rasgar. Esse documento diz o que?" questionará ela, ainda sem compreender.

Paciente, o advogado responderá: "Esse documento anula a passagem da fábrica para o nome da Josiane, e por extensão, sua compra foi anulada também".

Em seguida, ele dará um ultimato, que deixará o telespectador radiante: "Vai ter que sair daqui, Fabiana. Vai ter que devolver a fábrica pra Maria da Paz".

 A cena irá ao ar em 16 de novembro.


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!