Só dá ele

Com “Toda Forma de Amar”, Emanuel Jacobina assina sexta temporada de “Malhação”

Ninguém escreveu mais que ele

Com “Toda Forma de Amar”, Emanuel Jacobina assina sexta temporada de “Malhação”
Emanoel Jacobina é o autor de "Toda Forma de Amar" - Foto: Divulgação/TV Globo

Naian Lucas
i

Naian Lucas

Naian Lucas escreve há 10 anos e já fez de tudo um pouco nas redações. Apaixonado por televisão, é roteirista e trabalha na área desde 2014. Atualmente, é repórter do NaTelinha e aficcionado por tudo que envolve dramaturgia. Siga-me no Twitter: @naiaan

Publicado em 19/04/2019 às 10:05:14

Emanuel Jacobina se consolidou como o principal roteirista por trás da longevidade da novelinha teen da Globo, “Malhação”. É que, com a edição que estreou na última terça-feira (16) sob o título de “Toda Forma de Amar”, ele se tornou o responsável por seis temporadas da obra.

Nenhum outro autor trabalhou tanto em “Malhação” na história da produção que completa 25 anos de existência no ano que vem. Estreante apenas no ano 2000, Jacobina acabou se tornando um curinga para a cúpula da Globo, que costuma se socorrer da expertise do novelista para recuperar o fôlego da trama.

Coube a Jacobina a primeira grande renovação de “Malhação”. Foi com ele que a novelinha abandonou a academia e passou a acontecer numa escola. Em 2000, em sua primeira temporada, ele instituiu o “Múltipla Escolha”, colégio que ficaria por anos. No ano seguinte, o autor continuou à frente da produção.

Após assinar duas temporadas consecutivas no início do milênio, Jacobina ficou quase 10 anos fora do formato. E foi na década atual que ele mais trabalhou. Em 2010, coube ao autor escrever a temporada intitulada “Malhação 2010”.

Após constantes fracassos de audiência, Emanuel foi chamado novamente para tentar salvar “Malhação” que enfrentava boatos de cancelamento. Em 2015, criou a temporada “Seu Lugar no Mundo” e elevou a média geral da trama em quase um ponto.

Mas seu principal trabalho, em termos de audiência, se deu no ano seguinte. Escrevendo novamente duas temporadas consecutivas, em 2016 ele estreou “Pro Dia Nascer Feliz”, sucesso que terminou com 18,60 pontos - a melhor média, até então, desde o próprio Jacobina em 2010.

Agora, duas fases depois, o autor volta ao formato tendo de afastar o fantasma de Cao Hamburger. Com “Viva a Diferença” crítica e audiência parecem muito mais exigentes com “Malhação”.

Emanuel Jacobina estreou sua sexta temporada à frente de “Malhação” com média de 18 pontos.


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!