Reportar erro
Despedida de Solteiro

Rafael Vitti compara semelhança de personagem e o papel que o pai viveu em trama

Rafael Vitti
Divulgação
Taty Bruzzi

Publicado em 01/03/2019 às 18:56:42

Um dos protagonistas de “Verão 90”, Rafael Vitti tem tido muitos motivos para comemorar. Desde que a novela estreou há cerca de um mês, o ator vem ganhando a simpatia do público como o VJ João Guerreiro.

Na trama, seu personagem é um dos ex-integrantes da “Patotinha Mágica”, grupo musical infantil que fez sucesso relâmpago em meados dos anos 80. Além do agora estudante de jornalismo, completam o trio seu irmão Jerônimo (Jesuíta Barbosa) e Manoela (Isabelle Drummond).

A rivalidade entre os Guerreiro sempre existiu. Enquanto João era carismático, Jerônimo ganhou fama de apagado do grupo. Além disso, ambos disputavam a atenção de Manuzita, que acabou se interessando pelo filho caçula de Janaína (Dira Paes).

Para piorar a situação, Jerônimo sempre foi ambicioso e depositou no grupo infantil a chance de ser famoso e enriquecer, mas o sonho de uma vida melhor foi por água abaixo quando o irmão adoeceu e sua mãe deu um basta na parceria do trio a fim de preservar a saúde do menino.

Anos depois, João continua sendo o filho pródigo enquanto que Jerônimo não passa de um jovem desajustado. Entretanto, esta semana a sorte parece ter virado de lado, claro que com a ajuda da ovelha negra da família.

João se tornou VJ da Pop TV, emissora que pertence à família de Qinzinho (Caio Paduan), um mauricinho inconsequente de quem Jerônimo se aproximou, sob o codinome Rogê, com a intenção de conseguir entrar na empresa.

Rafael Vitti compara semelhança de personagem e o papel que o pai viveu em trama

Quando Janaina descobre a farsa do filho, vai tirar satisfações e é humilhada por Jerônimo. Revoltado com a história, João sai em defesa da mãe e, durante uma briga na mansão dos Ferreira Lima, é empurrado pelo irmão e desmaia.

Na mesma ocasião, Quinzinho, que a esta altura já sabe da verdadeira identidade de Jerônimo, discute com Nicole (Bárbara França), de quem é amante, e a menina cai do alto da mansão do rapaz, bate com a cabeça em uma pedra e morre acidentalmente.

Para livrar a cara do playboy e ganhar a confiança da família, Jerônimo coloca o irmão deitado ao lado do corpo da jovem e o deixa ser incriminado pela morte da colega de trabalho. É assim que ele consegue se tornar um dos diretores da emissora de TV.

A cena de João sendo preso injustamente chamou a atenção por dois motivos, Primeiro que o desenrolar da trama lembra muito a história de “Despedida de Solteiro” (1992) novela que marcou a estreia de João Vitti, pai de Rafael Vitti, na TV Globo.

No folhetim, o ator era Xampu, um jovem de classe média alta que fazia parte de um grupo de amigos formado por mais três rapazes: Pedro (Paulo Gorgulho), Pasqual (Eduardo Galvão) e João Marcos (Felipe Camargo).

Às vésperas do seu casamento, João Marcos e os amigos partem para uma festa de despedida desolteiro na casa de tolerância da cidade.A farra termina na cachoeira, na companhia de Salete (Gabriela Alves). A jovem é misteriosamente assassinada e eles se tornam os principais suspeitos.

Apesar de inocentes, os amigos são presos e condenados a 20 anos de detenção, passando toda a juventude na prisão, com exceção de Xampu que adoece e acaba morrendo enquanto cumpre pena.

O outro motivo foi a cena em que João Guerreiro é levado preso enquanto jura inocência, assim como ocorreu com o personagem do seu pai há 27 anos. Os cabelos longos, a cara de assustado e as mãos algemadas para frente. Chega a dar um arrepio com tamanha semelhança física entre os dois.

Para não deixar passar em branco, o próprio ator fez questão de postar uma montagem com as duas cenas em seu perfil do Instagram. Na legenda, Rafael escreveu: “E a história se repete, 27 anos depois... Quem acompanhou Despedida de Solteiro, em 1992, onde meu pai interpreta o Xampú, e também foi.

O galã de “Verão 90” ainda chamou atenção para outra coincidência envolvendo os dois. Na época em que “Despedida de Solteiro” foi ao ar João Vitti tinha 23 anos, a mesma idade do Rafael hoje. Ficaram assustados também? A gente só espera que na atual novela das 19 horas, da Rede Globo, João Guerreiro não tenha o mesmo destino que o Xampu.

TAGS:
Mais Notícias