Cena icônica

Morte de Odete Roitman em "Vale Tudo" vai ao ar nesta segunda no Canal Viva

Novela é reprisada pelo Canal Viva na faixa da tarde


Odete Roitman ensaguentada
Reprodução

A reprise de “Vale Tudo” no Canal Viva está em sua reta final. Nesta segunda-feira (28), a partir de 15h30 (horário de Brasília), vai ao ar o capítulo com a morte de Odete Roitman.

A personagem interpretada por Beatriz Segall, atriz que nos deixou ano passado, é considerada até hoje a maior vilã da televisão brasileira.

Escrita por Gilberto Braga com colaboração de Aguinaldo Silva, “Vale Tudo” estreou na TV Globo em 1988, ano em que o cenário político no Brasil era muito complexo.

A principal discussão na trama era sobre ética e moral, sempre levantando dúvidas sobre como se manter honesto em um país corrupto.

A cena do assassinato da empresária milionária Odete Roitman foi ao ar pela primeira vez no dia 24 de dezembro de 1988.

Em plena véspera de Natal, os telespectadores deram uma pausa nas comemorações para assistir a vilã levar três tiros no peito.

Depois, foram mais alguns dias de questionamentos e apostas para descobrir “Quem Matou Odete Roitman?”.

Diante dos inúmeros suspeitos, na época cinco versões com a identidade do assassino foram escritas pelo autor a fim de não vazar nenhuma informação.

O mistério só terminou no dia 6 de janeiro de 1989, quando o Brasil parou, literalmente, para acompanhar o último capítulo da novela.

Com história atemporal e personagens facilmente reconhecidos no dia a dia, “Vale Tudo” é uma das maiores obras da nossa teledramaturgia.

Não foi à toa que a novela vendida para mais de 30 países está em sua segunda reprise somente no canal a cabo.

Quem não puder conferir a icônica cena nesta tarde pode assistir a exibição do capítulo depois, à 00h30 do dia 29, no Viva.