Assassina

"Segundo Sol": Após morte de Galdino, Ícaro mais uma vez abandona Laureta, que jura vingança

"Você vai se arrepender", diz a vilã, que mata comparsa com sua seringa de ar

Ícaro vai abandonar Laureta mais uma vez - Reprodução
Ícaro vai abandonar Laureta mais uma vez - Reprodução

Publicado em 11/09/2018 às 14:09:08 ,
atualizado em 11/09/2018 às 14:16:11

Por: Fabrício Falcheti

Após assassinar Galdino (Narcival Rubens), Laureta (Adriana Esteves) fingirá estar sofrendo pela morte do empregado. Mas Ícaro (Chay Suede) não vai engolir a falsidade da vilã. De cara, o filho de Luzia (Giovanna Antonelli) perceberá que a amante é responsável pela morte do capanga e vai tratar de dar o fora da casa da mulher, mais uma vez.

A sequência tem previsão para ir ao ar no dia 2 de outubro em "Segundo Sol".

Primeiro, Ícaro percebe que Rosa (Letícia Colin) está envolvida na morte e tenta convencê-la a ir embora com ele. “Só saio daqui com você! Será que cê não vê que cê não pode ficar mais aqui nessa casa? Você vai acabar sendo presa, ou vai terminar igual a Galdino! Vamo embora juntos daqui, Rosa! Vamo embora agora!”, implora o rapaz. “Você tá me acusando de ser cúmplice de um assassinato e quer fugir junto comigo? Quer fugir junto com uma assassina?”, questiona. “Quero! Quero sim! Porque eu sei que você não é uma assassina e eu te amo, Rosa!”, declara.

Só que ela não aceitará o convite do rapaz. “Ah, Ícaro! Quem tinha que sumir daqui é você! Se saia, enquanto você pode! Se afaste de Laureta!”, aconselha. “Eu vou, se você vier comigo, Rosa!”, implora. “Não! Eu não vou embora com você! Eu vou voltar pra minha casa, pra encontrar o pai de meu filho!”, afirma Rosa.

Mesmo sem Rosa, Ícaro vai acabar seguindo o conselho da moça. Mais tarde, o jovem vê Laureta na sala preparando uma bebida. “Ícaro! Que bom que você tá aqui comigo! Quer um uisquinho?”, pergunta a vilã. “Imagino que você teja sofrendo muito a morte de Galdino! Afinal ele era seu fiel escudeiro!”, diz o rapaz. “Tô! Tô sofrendo sim, tô abalada, tô precisando de você! Vem, me abraça, Ícaro!”, pede.

Laureta percebe a frieza do rapaz. “Posso saber o porquê dessa frieza toda?”, questiona. “Cê não sabe? Nem imagina, Laureta? Vem cá, você quer mesmo que eu fique aqui?”, quer saber. “Que pergunta é essa agora?”, se assusta a mulher. “Quero saber se você quer que eu fique aqui! Ou se eu não fizer o que você quer, você me mata também? Aliás, como é que você mata sem deixar pista?”, questiona Ícaro. “Olhe, Ícaro, quem mata as pessoas não sou eu, é sua mãe! Você deve tá confundindo!”, acusa.

Ícaro continua firme na sua opinião. “Que minha mãe mata parece que sim, mas você? Você eu tenho certeza! Que foi que houve aqui? Galdino se virou contra você? Era ele o traidor que você dizia que andava pela casa? Ele descobriu algum outro segredo seu?”, questiona. “Vá tomar um banho e relaxe! Descanse a cabeça que você não tá bem e não tá me fazendo bem!”, sugere Laureta.

Nesse momento, Ícaro a informa da sua decisão de ir embora: “Pode ficar tranquila que eu não vou mais te perturbar! Eu tô indo nessa, tô caindo fora...”. “Como assim? Tá indo aonde?”, diz Laureta assustada. “Pra longe de você, de toda a sujeirada dessa casa! Tô me mandando!”, continua. “Você tá é fazendo tudo errado de novo, se afastando da única pessoa que gosta de você, que lhe entende, que lhe ajuda!”, brada, tentando manipular o amante. “Muito obrigado por tudo, mas deu!”, se mantém com a decisão.

Laureta faz uma cena e diz que Ícaro não pode deixá-la, porque ela o ama, mas nem isso amolece o coração do rapaz. “Oxe! Não era você que era contra todos os romantismos? Não é você que falava que o amor romântico é uma invenção? Pois então, tá se contradizendo!”, acusa. “Eu nunca falei isso antes, mas agora eu falo, pra você eu falo: eu te amo! Eu te amo, Ícaro!”, se declara. “Pois eu não te amo, Laureta. Adeus”, diz decidido.

É claro que a vilã não vai deixar barato ser abandonada pelo jovem. “Você vai se arrepender!”, promete.



publicidade

TAGS:

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!