Novelas

Ator sobre papel em "Geração": "Me inspirei em Michelle Obama e Lea T"

Luís Miranda vive uma mulher na novela das sete da Globo


luismiranda-geracaobrasil-dorothy.jpg
Divulgação/TV Globo

Estreante em novelas, o ator Luís Miranda não poderia começar de forma mais marcante. Em "Geração Brasil", trama das 19h da Globo, ele é Dorothy, uma mulher poderosa nos Estados Unidos, e que é a melhor amiga de Pamela Parker (Claudia Abreu).

Em entrevista para o jornal "Extra", o ator disse que ela ainda irá render bons momentos para o público: "Sem dúvida ela vai arrancar boas gargalhadas dos telespectadores! Com todos os personagens buscamos trazer reflexões, e com Dorothy não é diferente. Seja na relação dela com o filho Brian (Lázaro Ramos), seja na relação maternal que tem com Pamela".

Luís também afirmou que não tem escutado nenhum tipo de piada por interpretar uma mulher: "Não escuto piadinhas, não, mas as pessoas ficam curiosas para entender como é a transformação. O público tem sido carinhoso, e acho que estão curtindo a personagem".

[galeria]

O ator finalizou afirmando que se inspirou na transexual Lea T. e na primeira dama dos EUA, Michelle Obama, para compor seu papel: "Me inspirei em Michelle Obama, primeira-dama dos Estados Unidos, e em Lea T.. Sem dúvida, elas foram referências importantes para que eu desenvolvesse a personagem, mas o texto dos autores e a direção da novela trouxeram muitas referências e informações para me ajudar nesse processo. Empresto meu corpo a Dorothy".

"Geração Brasil" tem marcado médias em torno de 22 pontos de audiência, elevando os números que a sua antecessora, "Além do Horizonte", tinha no horário.

Mais Notícias