Surto de coronavírus

Netflix baixa qualidade de vídeo na Europa para reduzir congestionamento

Coronavírus faz serviço da Netflix ficar congestionado


Logo da Netflix
Netflix tem alta demanda na Europa - Divulgação/Netflix

A Netflix baixará a qualidade de vídeo em seu serviço na Europa pelos próximos dias. O motivo é reduzir a pressão sobre os provedores de internet.

A demanda por streaming aumentou porque grande parte do Velho Continente se isolou com o surto do coronavírus.

Com a diminuição da qualidade, isso reduziria os dados de consumo da Netflix em 25%. A qualidade da imagem ainda seria avaliada como "boa".

Qualidade de vídeo da Netflix

Vários fatores influenciam a quantidade de dados usada ao transmitir um filme online. Uma delas é a resolução de vídeo. Isto é, se ele é de alta definição (HD), ou de ultra definição (4K).

Vídeos com taxa de bits mais altas tendem a parecer menos quadriculados ou com pixels. A Netflix diz que cortará suas taxas de bits.

Uma hora de vídeo de definição padrão usa cerca de 1GB de dados, enquanto o HD pode usar até 3GB por hora.

A empresa disse que preservaria seu bom funcionamento durante a crise do coronavírus.

Uso da internet

A Netflix, no entanto, não informou se a redução da taxa de bits será aplicada a outras áreas como a América do Norte.

A Vodafone, megaempresa de telecomunicações, registrou um aumento de 50% no uso de internet na Europa nesta semana.

TAGS:
Mais Notícias