Reportar erro
Luto

Morre o pai de Fernanda Lima aos 84 anos, vítima de coronavírus

O advogado Cleomar Lima estava internado desde abril, em Porto Alegre

Fernanda Lima ao pai do pai Cleomar Lima
Fernanda Lima prestou homenagem ao pai Cleomar Lima, morto aos 84 anos após contrair a Covid-19 - Foto: acervo pessoal
Redação NT

Publicado em 18/07/2020 às 16:40:00

Fernanda Lima anunciou a morte de seu pai, Cleomar Lima, de 84 anos, vítima de coronavírus, neste sábado (18), em publicação em rede social. O advogado estava internado desde abril, há cerca de 120 dias, em estado grave, no Hospital Moinhos de Vento, em Porto Alegre.

"Descansa, pai. Paizinho, a primeira foto que escolhi para te homenagear foi essa, porque ela sempre me impressionou pela tua garra nesse salto. Com o tempo eu fui enxergando outras virtudes: a força, a coragem, a determinação, a perseverança e a tua disciplina contida na mesma imagem", escreveu Fernanda Lima na legenda de uma publicação com fotos de Cleomar - entre elas, a destacada pela apresentadora mostra o veterano aos 19 anos, em um jogo de basquete.

A famosa relembrou a infância pobre do pai na Lapa, bairro do Rio de Janeiro."Felizmente o basquete te salvou. Te levou pro mundo e finalmente para Porto Alegre, onde tu conheceu a mãe e onde minha história de fato começa. O basquete ficou pra trás e tua luta te levou à faculdade de Contabilidade e depois a de Direito", prosseguiu Fernanda.

Fernanda Lima lembrou batalha do pai contra a Covid-19: "Lutou bravamente"

"Nesses quase 120 dias internado, tu provou mesmo ter fôlego de atleta. Lutou bravamente contra a Covid e depois contra todas as consequências da doença. Foi cruel não poder estar ao teu lado durante o processo todo. A única vez que consegui deixar minha bebê para pegar um avião e ir te visitar, tu já não estava mais na UTI", lembrou Fernanda Lima, ainda no texto publicado no Instagram.

A atriz e apresentadoras revelou que, naquele dia, chorou abraçada ao pai. "Espero que tenhas ouvido tudo que falei no teu ouvido. Hoje será uma despedida íntima, mas prometo que assim que essa pandemia der uma trégua e as pessoas puderem voltar a se abraçar, eu farei um encontro muito lindo, com todos os teus amigos e familiares, pra gente rir bem alto de braços abertos, que nem tu."

"Sim, por que a tua felicidade não cabia num sorriso. O seu corpo inteiro vibrava de alegria. Braços pra cima, abertos e balançando de euforia. Sempre. Com todos", prosseguiu Fernanda.

Ela contou que voltou até a cidade onde nasceu logo cedo para se despedir do pai. "Hoje ainda estava escuro quando peguei a estrada para chegar até Porto Alegre. O dia foi amanhecendo e em cada risco de sol, em cada montanha, em cada cerejeira, em cada nuvem ou em cada pedra eu te senti. E assim será... Descansa, paizinho."

Confira a publicação de Fernanda Lima, com o texto na íntegra:

Mais Notícias
Outros Famosos