Jô Soares fala sobre reencontro com taxista que atropelou e matou sua mãe

Dez anos depois de acidente, motorista pediu perdão após uma corrida no RJ

Fotos: Reprodução

Publicado em 09/05/2015 às 14:23:02

Por: Diego Falcão

Em entrevista ao programa "Pingue-Pongue" com bonfá, no Youtube, Jô Soares relembrou uma história emocionante de sua vida. O apresentador falou sobre o reencontro com o taxista envolvido na morte de sua mãe.
 
Para o entrevistador, Jô explicou que a mãe morreu atropelada, em um dia de muita chuva, no Rio de Janeiro, e o que o motorista não teve culpa. Ela estava com 70 anos.
 
"Ele socorreu minha mãe, levou para o hospital, fez tudo certo. Só que ela teve uma fratura de base de crânio e morreu", disse. 
 
 
Dez anos após o acidente fatal, Jô pegou um táxi ao desembarcar no Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, e teve uma revelação quando chegou ao destino final. 
 
"Ele falou: “Fui eu quem atropelei sua mãe, desde essa dia, tem dez anos, eu não consigo mais dormir. Só vou conseguir dormir no dia em que eu ouvir o senhor dizer que me perdoa", revelou Jô. O apresentador se surpreendeu e foi extremamente generoso como taxista. 
 
Eu falei: “Meu filho, você está perdoado desde o dia em que atropelou a minha mãe, a socorreu e ficou sentadinho ao lado do meu até a morte dela. Você não teve culpa nenhuma". Ele afirmou, que neste momento, os dois choraram muito. 
 
Ao final da entrevista, Jô Soares falou da importância do perdão.
 
 


publicidade

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!

publicidade