Quem são os telespectadores das TVs abertas?

Espaço Aberto é a nova coluna do NaTelinha onde você pode opinar e mandar sua análise sobre TV

Walcyr Carrasco é o autor de "O Outro Lado do Paraíso" - Divulgação/TV Globo

Publicado em 26/02/2018 às 09:50:49 ,
atualizado em 26/02/2018 às 10:10:29

Por: Redação NT com José Luciano de Almeida Moura

Eu queria entender: quem são os telespectadores da TVs abertas?

Sou frequentador assíduo das redes sociais, sempre vejo a Globo sendo bombardeada por causa das suas novelas. Então, como explicar que o maior sucesso em termos de Ibope e justamente uma novela como "O Outro Lado do Paraíso", de Walcyr Carrasco, que tem personagens que não primam por certos valores ou autoestima?

Nela, uma anã que passou um longo tempo na Europa acha que o ideal de vida é arranjar um marido e a todo tempo se vitimiza; uma médica que engravida de um desconhecido para manter um casamento; um advogado que abre mão de sua carreira bem sucedida para tornar-se o empregadinho da mocinha que deixou de viver em nome de uma vingança; um psiquiatra que a principio está em crise existencial com sua orientação sexual e de repente é jogado em uma sitcom "à lá" Zorra Total.

E não para por aí: uma vilã que é capaz de matar, colocar a mocinha em um hospício, mas perde as estruturas por causa de um subalterno ("poderia ter qualquer homem a sua disposição"); um jovem que ainda acha que sexo tem que ser feito com prostitutas e a mulher que ele escolheu como esposa tem que ser santificada, e pior, por ela se sentir rejeitada, resolve que tem que se tornar garota de programa e ainda por cima leiloar sua virgindade... É alguma referência aos os livros de Jorge Amado e do tempo dos coronéis?.

Enfim, não sei se os telespectadores de novelas querem isso ou os autores de novelas menosprezam a inteligência dos seus telespectadores.

José Luciano de Almeida Moura é Assessor Jurídico e reside em Salvador, Bahia.  Faça como ele, envie sua análise, crítica ou reflexão sobre a TV. Saiba como aqui



publicidade

LEIA MAIS

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!

publicidade