Reportar erro
Sem censura

Cinco declarações polêmicas de Sikêra Jr na TV

O apresentador da RedeTV! não tem papas na língua

O apresentador Sikêra Jr
O apresentador Sikêra Jr comanda o Alerta Nacional - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 17/08/2020 às 07:00:04

Uma das revelações da TV aberta em 2020 chama-se Sikêra Jr, de 54 anos. Apresentador do Alerta Nacional, o pernambucano tornou-se um dos destaques da RedeTV! em termos de audiência. Mas o que chama tanta a atenção dos telespectadores?

As declarações polêmicas de Sikêra ao longo da carreira fizeram com que ele se tornasse um ídolo nas redes sociais e viralizasse. Alguns, no entanto, não aprovam o jeito desbocado do apresentador. Pensando nisso, o NaTelinha separou cinco declarações polêmicas de Sikêra Jr.

Confira:

Ataque contra as mulheres

Em 2018 o apresentador Sikêra Jr era contratado da TV Arapuan, afiliada da RedeTV! em João Pessoa, quando sofreu forte pressão e precisou sair de "férias". Sikêra declarou que "mulher que não pinta as unhas é 'sebosa e nojenta'".

Na época a jornalista e rapper Kalyne Lima emitiu uma nota de repúdio, rebatendo a declaração do apresentador no Facebook e ganhou o apoio do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do estado da Paraíba. Mulheres também se reuniram em frente à emissora e protestaram contra a postura de Sikêra.

Recusou proposta da Record

Cinco declarações polêmicas de Sikêra Jr na TV

Desde que passou a vencer a Globo com o seu programa local no Amazonas, Sikêra Jr criou uma disputa entre as grandes emissoras para saber quem levaria o seu passe. No fim, o apresentador recusou convites do SBT e da Record.

Em entrevista para o jornalista Leo Dias, Sikêra revelou não ter aceitado os convites e ainda brincou com o vínculo da Record com a Igreja Universal, do bispo Edir Macedo. 

“Dinheiro estou ganhando bem. Eles me ofereceram grana, disseram assim: ‘Sikêra, ouça a nossa oferta!’. Eu disse que não queria nem ouvir. O povo aqui no Brasil acha que dinheiro é tudo. E quando fiquei pensando: ‘Meu Deus, dinheiro que vem de Jesus Cristo, né? Que eles pedem para Jesus. Não vou querer não, não vou entrar nessa’. Aí me pesou também essa parada. Dinheiro da igreja, abençoado”, disparou.

Processado por trans

Cinco declarações polêmicas de Sikêra Jr na TV

No início do mês de agosto, Sikêra Jr fez declarações pesadas ao falar sobre um crime praticado por duas lésbicas e acabou envolvendo a modelo Viviany Belboni, famosa por performar na Parada LGBTQI+ de SP vestida de Jesus Cristo.

Sikêra ilustrou parte da matéria com uma foto de Viviany, que não tinha nenhuma relação com a notícia do crime. Durante a fala, o apresentador chamou a trans de “lixo”, “bosta” e “raça desgraçada”.

Segundo informações da Folha de S. Paulo, o apresentador foi processado e condenado a pagar 30 mil reais por tê-la ofendido. A defesa de Sikêra informou que ele "apenas emitiu opinião sobre movimentos que, como a Parada Gay e seus adeptos, tratam com chacota os símbolos do cristianismo."

Recado para Jair Bolsonaro

Cinco declarações polêmicas de Sikêra Jr na TV

Apoiador do presidente Jair Bolsonaro, Sikêra Jr usou parte do seu Alerta Nacional em março para mandar um recado ao político, afirmando que do "outro lado” só tinha “gente ruim".

“O Brasil não aguenta mais sofrer na mão desse bando de vagabundo, maconheiro, que só quiseram destruir a família brasileira, só quiseram destruir o patrimônio brasileiro”, afirmou.

Desejou a morte de usuários de droga

Uma das declarações mais polêmicas de Sikêra Jr, mas que o que levou ao auge de popularidade nacional, é a que ele deseja a morte para usuários de maconha.

"Você que fuma maconha, você vai morrer antes de Natal. Você que fuma maconha vai morrer antes do Natal. Você mesmo, não se benza não... é você mesmo que eu estou falando. Não vai ver papai noel, não vai ver árvore de Natal. Vai embora para o inferno", disparou o apresentador durante o programa policial Plantão Alagoas, da TV Clube.

Mais Notícias