Em Goiás

Repórter do SBT invade link da Globo e tenta “roubar” entrevistada

Repórter do SBT invade link da Globo e tenta “roubar” entrevistada
Reprodução

Publicado em 20/02/2020 às 21:39:49 ,
atualizado em 21/02/2020 às 16:47:23

Por: Daniel César

Um verdadeiro climão aconteceu nesta quinta-feira (20) entre uma repórter da afiliada do SBT com a da Globo em Goiás. Durante um link ao vivo das duas emissoras, Rozainne Ferraz, profissional vinculada à emissora de Silvio Santos, invadiu a reportagem da colega e tentou roubar a entrevistada para falar com ela.

“Uma situação tão chocante. A filha está aqui, a mãe dela também está aqui ao lado, vamos ouvir um pouco dela falando sobre esse sentimento de revolta, ne?”, comentou a repórter enquanto deixava sua entrevistada para falar com a outra, que estava conversando com a jornalista da afiliada da Globo.

VEJA TAMBÉM

A repórter global, Patrícia Bringel, não gostou da situação e interrompeu a entrevista. “Por favor, eu estou falando com a tia agora”, e ignorou a presença da funcionária do SBT, que tentou disfarçar: "Vamos ouvir agora, porque a família, na verdade, está recebendo toda a imprensa numa coletiva”, explicou tentando colocar o microfone na boca da mulher que falava com a Globo.

Novamente, a colega parou a conversa para explicar. “Essa não é a mãe, essa é a tia. Nós tratamos que falaria com ela”, pediu a repórter da Globo, quando finalmente a concorrente decidiu se afastar: "Ok".

O NaTelinha tentou entrar em contato com as jornalistas, mas não teve retorno.

Repórter da Record comentou caso

Uma terceira profissional do jornalismo comentou o caso envolvendo a repórter do SBT e da Globo em Goiás, trata-se de Jakeliny Mendonça, que utilizou suas redes sociais para explicar o que aconteceu nos bastidores da polêmica entrevista disputada por duas concorrentes.

“Eu estava lá e a história não foi bem assim. As duas tinham combinado que nós três entraríamos com a irmã de uma vítima, ao vivo ao mesmo tempo. Eu acabei entrando primeiro e saí... Depois, a repórter da Globo viu que iria dar problema para a repórter do SBT, acabou entregando a entrevistada e foi falar com essa tia da vítima. Tava tudo certinho”, começou a narrar.

E Jakeliny continuou “cada uma com uma entrevistada. A do SBT estava com a entrevistada principal. Só que, ela fez que iria entrar com a irmã, mas a deixou sozinha e foi atrapalhar a repórter da Globo que estava no ar com a tia. Daí aconteceu isso aí”.

E ela prosseguiu. “A do SBT pegou a irmã que iria falar com as duas, e a levou para dentro da casa. Quando a da Globo voltou para falar com quem realmente estava combinado, ela não estava mais lá. Eu assistindo tudo, busquei a entrevistada para a repórter da Globo. Eu sou da concorrência e nem deveria ta opinando aqui, mas eu odeio injustiça. Eu conheço as duas de vista, mas não sou amiga de nenhuma. Patrícia Bringel (Globo), toma aqui meu apoio. Precisamos de sororidade”, encerrou.




publicidade

TAGS:

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!