Fez campanha

Apesar da acusação de assédio, Aguinaldo Silva pede volta de José Mayer às novelas

 Apesar da acusação de assédio, Aguinaldo Silva pede volta de José Mayer às novelas
José Mayer está longe das novelas desde "A Lei do Amor" - Divulgação

Naian Lucas

Publicado em 15/01/2019 às 13:43:30

“O Sétimo Guardião” pode não estar causando nos números de audiência, mas seu autor, Aguinaldo Silva, não foge de uma polêmica, principalmente nas suas redes sociais. Nesta segunda-feira (14), o roteirista voltou a defender José Mayer.

continua depois da publicidade

“Não há crime se não há queixa à polícia nem denúncia na justiça, por isso... Volta José Mayer”, escreveu o criador de novelas na sua conta oficial do Twitter, repercutindo entre seus seguidores.

Aguinaldo e o ator são companheiros de trabalho de longa data. A primeira parceria da dupla aconteceu na novela “Partido Alto” (1984). De lá pra cá, foram cinco tramas que ambos estiveram juntos, alcançando sucessos em “Tieta” (1989), “A Indomada” (1997) e “Senhora do Destino” (2004).

continua depois da publicidade

Zé Mayer e Silva estavam se preparando para voltarem a trabalhar em “O Sétimo Guardião”, mas um problema do artista em “A Lei do Amor” fez com que a Globo o tirasse do elenco fixo da trama.

Dando vida ao vilão Tião Bezerra, na obra desenvolvida por Maria Adelaide Amaral e Vincent Villari, o ator se envolveu em confusão nos bastidores. Ele foi acusado de assédio pela figurinista Susllem Tonani.

continua depois da publicidade

Muitas atrizes, apresentadoras, diretoras e funcionárias da casa fizeram a campanha “Mexeu com uma, mexeu com todas”, levantando o debate em relação ao assédio sexual e moral que acontece contra as mulheres na vida profissional.

Quatro dias após a polêmica, a Globo confirmou que José Mayer não faria a trama de Aguinaldo Silva e o colocou na geladeira por tempo indeterminado. Mesmo com as desculpas do artista, ele não tem um trabalho à vista na emissora carioca, apesar do seu contrato mantido.

continua depois da publicidade