Não pensou duas vezes

Globo cancela "Vídeo Show" e antecipa "Sessão da Tarde" para transmitir diplomação de Bolsonaro

"Vídeo Show" vive péssima fase de audiência e teve edição suspensa nesta segunda-feira (10)

Joaquim Lopes e Sophia Abrahão
Joaquim Lopes voltou recentemente ao "Vídeo Show" - Reprodução

Publicado em 10/12/2018 às 14:50:51

Por: Fabrício Falcheti

A Globo alterou sua programação para transmitir ao vivo a diplomação de Jair Bolsonaro como novo presidente da República no Tribunal Superior Eleitoral, em Brasília.

Marcada para as 15h45 desta segunda-feira (10), o mais natural seria o cancelamento da "Sessão da Tarde" na rede carioca, porém, por causa de sua audiência, optou por suspender a edição do "Vídeo Show" e exibir o filme mais cedo, por volta das 14h10.

Assim, a Globo escolheu "MIB - Homens de Preto 3" para suceder o "Jornal Hoje".

Logo após o filme, entrará a cobertura da diplomação de Bolsonaro, com ancoragem de William Bonner diretamente dos estúdios do "Jornal Nacional", no Rio, e repórteres em Brasília.

A decisão de suspender o "Vídeo Show" é facilmente explicada ao ver a sua audiência em 2018. Durante todo o ano, a revista eletrônica sofreu com a concorrência de "A Hora da Venenosa" e do "Balanço Geral SP", na Record TV.

Nas últimas semanas, o programa agora apresentado por Sophia Abrahão e Joaquim Lopes chegou a marcar índice na faixa dos 7 pontos, alternando nos demais dias entre 8 e 9 pontos.

Normalmente exibida após o "Vídeo Show", a "Sessão da Tarde" também não consegue muito mais que isso, até por conta da audiência herdada, e tem fechado entre 9 e 11 pontos de média, mas em primeiro lugar.

Após a diplomação de Jair Bolsonaro, a Globo seguirá normalmente com a reprise de "Belíssima" no "Vale a Pena Ver de Novo".

Nos outros canais, a cerimônia também será mostrada em flashes, sem a necessidade de uma alteração mais drástica na programação.



publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!