Regiane Alves sobre prostituta que interpretará em série: "já feminista naquela época"

Para ela, prostitutas tem que ter direitos trabalhistas como todos

Divulgação/TV Globo

Publicado em 02/09/2017 às 10:38:05 , atualizado em 02/09/2017 às 11:51:33

Por: Redação NT

A atriz Regiane Alves, que participou de "A Lei do Amor", novela terminada neste ano, viverá uma prostituta na série "Cidade Proibida", na Globo.

Ambientada nos anos 1950, a série contará com cenas de luta, mistério, intriga, investigação e paixão. Ela é quem vai colocar a vida de Zózimo (Vladimir Brichta) do avesso.

"Ela é uma mulher independente e já feminista naquela época. Marli dava sinais do que estamos vivendo hoje", conta ao jornal Extra.

Em 1998, Regiane interpretou a prostitua Clara em "Fascinação", no SBT: "O bacana desse processo de pesquisa foi poder enxergar a prostituição como uma profissão como outra qualquer, sem o preconceito que às vezes a gente tem".

Para a atriz, as prostituas precisam dos mesmos direitos de trabalho que todos. "Conversei com uma ex-prostituta da época e ela disse ter saudade daquele tempo. Ela inclusive tatuou 'eu sou puta'", lembra.



publicidade

LEIA MAIS

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!

publicidade