Cura

Bom Sucesso: Doença de Alberto regride e personagem pode não morrer

Exames vão apontar melhora na saúde do empresário

Bom Sucesso: Doença de Alberto regride e personagem pode não morrer
Globo/Reprodução

Publicado em 20/10/2019 às 18:55:00

Por: Redação NT

Os resultados dos exames de Alberto (Antonio Fagundes) trarão boas novas em Bom Sucesso, na Globo. A doença do personagem regredirá, dando a pista de que o pai de Marcos (Rômulo Estrela) e Nana (Fabiula Nascimento) pode chegar vivo até o fim da novela.

A melhora no estado de saúde do dono da editora Prado Monteiro deixará o Dr. Mauri (Jorge Lucas) chocado. Ele chama Nana e Diogo (Armando Babaioff) para conversar e compartilha sua felicidade ao dizer que o amigo apresentou uma melhora significativa.

"Pela minha experiência, o Alberto não chegaria ao carnaval, mas agora, de acordo com esses exames, sinceramente, já não sei mais", dirá o médico. Se a notícia agrada a filha do empresário, seu inescrupuloso genro cortará um dobrado para esconder sua insatisfação. 

Nana dirá que não quer criar expectativas, lembrando do episódio dos exames trocados, que acabou levando Paloma (Grazi Massafera) à vida da família. O médico, por sua vez, será mais otimista, apontando a notável melhora clínica do paciente.

"Ai, Mauri, isso é maravilhoso! Não é o máximo, meu amor?", comemorará Nana. "Ô... Fantástico", responderá Diogo, sem conseguir esconder sua decepção.

A amizade com Paloma e a vida nova conquistada a partir dessa relação parece ter tido mesmo um efeito curativo para o poderoso Alberto Prado Monteiro. As coisas só tendem a melhorar com a chegada de Vera (Angela Vieira), um antigo affair do empresário.

A melhora no diagnóstico do personagem será revelada nas próximas semanas de Bom Sucesso.


publicidade

TAGS:

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!