Reportar erro
Próxima novela

Walcyr Carrasco vai repetir história de "O Outro Lado do Paraíso" em "A Dona do Pedaço"

Malvino Salvador
Malvino Salvador será um homossexual "no armário" na próxima novela das 21h
Naian Lucas

Publicado em 13/03/2019 às 07:57:23

O autor Walcyr Carrasco decidiu apostar numa história semelhante a que ele mesmo criou em “O Outro Lado do Paraíso” para sua nova novela, “A Dona do Pedaço”, que vai ao ar no horário das 21h da Globo a partir de maio.

Em “A Dona do Pedaço”, o personagem vivido pelo ator Malvino Salvador será um homossexual “no armário”. Isso porque ele será casado com Deborah Evelyn.

A história apresenta bastante semelhança com a de “O Outro Lado do Paraíso”, em que Eriberto Leão também era homossexual, porém vivia “no armário” e acabou se envolvendo com a personagem de Ellen Roche.

Vale lembrar que a novela encerrada em 2018 teve audiência recorde e praticamente ninguém sofreu com rejeição, segundo o Fórum de Dramaturgia da Globo. Porém, o plot vivido por Eriberto Leão recebeu muitas críticas de jornalistas especializados.

Walcyr Carrasco vai repetir história de \"O Outro Lado do Paraíso\" em \"A Dona do Pedaço\"

Recorrência

O uso de personagens homossexuais que vivem como héteros são recorrentes na TV brasileira. Há casos, inclusive, de papeis que optam por viver com mulheres, numa espécie de “cura gay”. Este foi o caso de personagens como o Orlandinho (“A Favorita”). Na ocasião, mesmo sendo gay, ele optou por se casar com Maria do Céu (Débora Secco) e viver numa vida heterossexual.

Já em “Avenida Brasil”, João Emanuel Carneiro tentou ousar ao colocar o personagem gay encerrando sua participação num triângulo amoroso. Roni (Daniel Rocha) terminou a novela ao lado de Leandro (Thiago Martins) e Suellen (Ísis Valverde).

O mesmo autor reutilizou o plot em “Segundo Sol”, mas com desfecho diferente. Maura (Nanda Costa) se assumiu lésbica em determinado ponto da trama, inclusive, indo morar com a parceira Selma (Carol Fazu). Entretanto, nas viradas de Carneiro, a personagem se envolveu com Ionan (Armando Babaioff). Os três chegaram a viver juntos num triângulo, mas no desfecho, Maura e Selma tiveram um final feliz.

Walcyr Carrasco vai repetir história de \"O Outro Lado do Paraíso\" em \"A Dona do Pedaço\"

O que profissionais acham disso?

O NaTelinha consultou psicólogos que falaram sobre o tema. Para a doutora Juliana Vieira, quando uma novela do patamar do horário nobre da Globo mostra personagens gays optando pela vida “no armário”, acaba vendendo uma imagem prejudicial.

“Os gays já enfrentam preconceitos e muitos sofrem pressão psicológica para esconderem sua tendência. Quando uma novela mostra que um gay pode ser feliz vivendo na vida heterossexual, ela vende uma imagem que atrapalha, em termos psicológicos”, comentou a médica.

Para Alcebino Santos, ativista homossexual no interior de São Paulo, a luta homossexual dificilmente é levada à sério em novelas da televisão. “Colocar um homossexual no armário é um desserviço completo e um desrespeito a causa. Lutamos para que todos possam ser saudáveis sexualmente com a orientação que tiverem, uma vez que não se trata de uma escolha”, comentou ele.

“A Dona do Pedaço” tem estreia prevista para o dia 20 de maio, em substituição a “O Sétimo Guardião”.

Mais Notícias