Briga

"O Sétimo Guardião": Marilda faz barraco e troca tapas com Ondina


Marilda briga
Divulgação/ TV Globo

Nos próximos capítulos de "O Sétimo Guardião", Marilda (Letícia Spiller) vai fazer um grande barraco logo após Eurico (Dan Stulbach) abrir o jogo contra a irmandade.

Na cena, Marilda não acredita no que ele diz e acha que tudo não passa de "safadeza pura". A loira acredita que está sendo traída e acaba saindo no tapa com Ondina (Ana Beatriz Nogueira). Após a briga, ela sai de casa.

Tudo começa quando o prefeito explica: "Nós somos os guardiães, entende? Egídio era uma espécie de chefe da irmandade. Agora que ele morreu, tem que haver um novo líder". Marilda não acredita em nenhuma palavra e rebate: "Acha que sou louca, ou ingênua, ou burra, ou as três coisas, pra engolir isso?".

Marilda diz o que o marido inventou essa história para esconder a verdade. Ele pergunta que "verdade" é essa e a loira dispara: "Vocês estão fazendo sexo grupal, ou alguma coisa assim. Peraí: a cafetina também está metida nessa história! Meu excelentíssimo marido está pegando a Ondina! É isso? Sim, porque ela deve ser a rainha de copas na cama e ainda rende um caldo."

Eurico tenta negar a traição e decida a tirar toda história a limpo, Marilda vai até à loja de Milu (Zezé Polessa). Ela passa mal quando ouve falar na irmandade. A irmã de Valentina (Lilia Cabral) acusa: "Vocês inventaram essa lorota pra acobertar o Eurico... Ele está de cacho com a Ondina! (...) É tudo um complô! Você, ele e os outros... Todos juntos... O mundo inteiro contra mim!".

Ainda na cena, Milu nem confirma e nem nega nada. Marilda jura que sua vingança será maligna e vai embora.

"Me aguarde! Você e seus amiguinhos todos, inclusive o meu marido. Irmandade uma ova, safadeza pura... Ah, mas vocês vão ver!", diz. Ondina confere a papelada quando Marilda entra no local, aos berros, com ofensas.

A cafetina quer saber o motivo dos ataques. "Você está transando com meu homem! Está querendo o quê? Isenção do imposto municipal?", dispara a loira. A duas batem boca e Ondina confronta: "Se eu tiver um caso com Eurico a culpa é sua, que não dá conta de suas obrigações de esposa! O que não falta é marido insatisfeito que vem se consolar aqui".

Marilda parte para cima de Ondina e as duas brigam feio. Adamastor (Theodoro Cochrane) consegue separar a briga das duas com a ajuda das meninas do cabaré e o barraco é geral. Gritos, xingamentos, até que a loira decide ir embora.

Mas ela sai jurando vingança: "Dona Mirtes está certa. Este buraco quente tem que ser desinfetado e lacrado com chumbo. Eu vou me encarregar disso pessoalmente! Vocês vão ter que sumir daqui!".

O barraco continua em casa. Ela faz as malas e diz que vai embora para o sobrado da irmã. Dramática, faz Geandro (Caio Blat) trazer uma ambulância para levá-la. Eurico apela e ameaça se matar. A loira desdenha: "Fica à vontade, só não suja de sangue o tapete da sala que custa uma fortuna mandar limpar!".

Logo depois, Marilda pede para que o motorista dê partida e vai embora.

Mais Notícias