Se defendeu

Chris Brown divulga áudios de mulher que o acusou de estupro: "Quero de novo"

Com os registros, o rapper fez um desabafo em seu perfil no Instagram


Montagem de foto de Chris Brown e imagens do celular
Chris Brown usou o Instagram para se defender - Reprodução/Instagram
Por Redação NT

Publicado em 09/03/2022 às 15:21:21,
atualizado em 09/03/2022 às 15:27:35

Investigado por supostamente ter drogado e estuprado uma mulher durante um passeio de iate em dezembro de 2020, em Miami, nos Estados Unidos, Chris Brown usou as redes sociais para divulgar áudios que a moça enviou para ele. Nos registros, o cantor pede que ela tome uma pílula do dia seguinte e recebe uma resposta ousada. "Eu quero transar com você esta noite à meia-noite", diz ela.

Tempos depois, quando os dois já haviam conversado sobre a possibilidade de se encontrarem novamente, mas ainda não tinham o feito, a mulher enviou um nude para o rapper e ressaltou novamente que gostaria de estar com ele mais uma vez. "Você foi honestamente o melhor p** que eu já tive. Eu só quero de novo", elogiou.

Sem ter uma resposta de Chris, ela começou a questionar o motivo do "vácuo". "Você sabia muito bem que eu não estava pressionando você. Você me disse para ficar e depois tentar brincar comigo? Isso é louco, eu não merecia isso, mas você conseguiu", disparou.

"Eu só quero ver você de novo... É só me avisar. Se você quiser que eu te deixe em paz, eu vou. Mas eu realmente só quero transar de novo", repetiu, em um áudio.

Chris Brown desabafa: "Chega de me arrastar na lama"

Chris Brown divulga áudios de mulher que o acusou de estupro: \"Quero de novo\"

Depois de divulgar os áudios, Chris Brown postou um texto de desabafo em seus Stories. "Chega de me arrastar na lama. Claramente todos vocês podem ver. Agora vamos ver se a mídia vai manter a mesma energia que tem para me destruir para contar a história verdadeira. Minha equipe está tomando providências legais. Não se brinca assim com a vida das pessoas", escreveu.

O TMZ, site norte-americano que deu em primeira mão a história da vítima, que o acusou Chris de drogá-la durante a festa no iate, de levá-la para um quarto e estuprá-la, falou com o advogado da moça. Ariel Mitchell confirmou que os áudios divulgados pelo rapper são de sua cliente e informou que está deixando o caso porque diz que não foi informado sobre as mensagens. O caso segue sendo investigado pela polícia de Miami.

Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Participe do grupo
TAGS:
Mais Notícias
Outros Famosos