Assassinato

"O Sétimo Guardião": Feliciano será a segunda vítima de serial killer

Mendigo de Serro Azul será assassinado misteriosamente

O Sétimo Guardião
Leopoldo Pacheco como o mendigo Feliciano - Foto: Reprodução
Foto do Colunista / Jornalista

Laís Lubrani
i

Laís Lubrani

Laís Lubrani é jornalista, ama o mundo da televisão e é apaixonada por escrever. Juntou as duas paixões e integra o time de repórteres e colunistas do NaTelinha

Publicado em 23/03/2019 às 17:30:00

Nos próximos capítulos de "O Sétimo Guardião", Feliciano (Leopoldo Pacheco) será assassinado. O mistério começa quando o mendigo de Serro Azul  pedir para Milu (Zeze Polessa) ler seu futuro nas cartas. Ao colocar o tarô, a guardiã da fonte mística ficará em silêncio.

Feliciano ficará preocupado com a reação da esotérica: "O que está dizendo aí?", perguntará. Milu, no entanto, desconversará: "Você nunca me pediu para te jogar o tarô antes. Deixa eu me concentrar". "Alguma coisa você já deve estar vendo", responderá o guardião.

A cartomante dirá que está tudo confuso, e Feliciano irá ironizar a situação: "Não está é vendo nada! Não tenho futuro! Nem com Marlene (Lilia Cabral), nem na irmandade". Milu não gostará da brincadeira: "Não brinca que o assunto é sério! Quando as cartas não são claras, não gosto nem de falar".

Saindo de lá, o mendigo irá até o cabaré de Ondina (Ana Beatriz Nogueira), onde beberá muito e sairá andando com dificuldade, já tarde da noite. O público verá que ele está sendo observado.

No início do dia seguinte, padre Ramiro (Ailton Graça), ao abrir a igreja, verá que o amigo está deitado sem se mover e constatará que ele está morto.

O mendigo será o segundo guardião da fonte mística que será assassinado. O primeiro será o delegado Machado (Milhem Cortaz), que será encontrado morto na delegacia. Junto ao corpo, um bilhete será deixado, representando uma clara ameaça à irmandade: "Este é o primeiro. Faltam seis".


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!