"Dona Xepa" termina com média superior a de "Balacobaco" e "Máscaras"

Angela Leal é a protagonista de "Dona Xepa": novela eleva audiência de "Balacobaco" e "Máscaras" - Divulgação/Record

Publicado em 25/09/2013 às 08:16:56

Por: João Gabriel Batista

Com o último capítulo exibido nesta terça-feira (24), "Dona Xepa" chegou ao fim com bons resultados.
 
Ainda que a novela de Gustavo Reiz não tenha feito com que a Record retomasse à casa dos dois dígitos com sua dramaturgia, o folhetim termina com média geral de 6,9 pontos, a qual é superior aos 6,7 da antecessora "Balacobaco" e aos 6,0 de "Máscaras". 
 
A recuperação, ainda que lenta, chama atenção levando em conta alguns outros fatores. "Dona Xepa" ganhou audiência em seu decorrer e os índices da reta final são o dobro dos registrados nos capítulos iniciais.
 
A perfomance da trama também se torna positiva levando em conta o orçamento investido pela Record. Com um terço da verba gasta em "Balacobaco", "Dona Xepa" entregou resultados mais satisfatórios. Além disso, a história protagonizada por Angela Leal movimentou um elenco muito mais enxuto, com menos frentes de gravações e com menos cenários - os quais, em alguns casos, foram reaproveitados de "Rebelde".
 
"Dona Xepa" foi a primeira novela do autor Gustavo Reiz e teve direção-geral de Ivan Zettel ("Rebelde" e "Luz do Sol"). Ao todo foram 91 capítulos exibidos, fazendo com que esta fosse a menor novela já produzida no RecNov e uma das menores novelas da dramaturgia brasileira.
 
Considerando os últimos 15 anos, "Xepa" só foi maior que "Estrela Guia", que teve 83 capítulos na Globo em 2001 e um pouco menor que "Pícara Sonhadora", do SBT no mesmo ano e que fechou com 95 capítulos.
 
A partir desta quarta (25), a Record lança "Pecado Mortal". Escrita por Carlos Lombardi e de direção-geral de Alexandre Avancini, o folhetim tem como objetivo ampliar ainda mais os índices de audiência do horário.
 
Diferente de "Dona Xepa", "Pecado Mortal" deverá ter pelo menos o dobro da quantidade de capítulos.
 


COMENTÁRIOS