Reportar erro
Turbulento

Gabriela Duarte revela que se afastou quando a mãe trabalhou com Bolsonaro: "Assustada"

Atriz admite que pensa diferente da mãe, mas não fala sobre política com ela

Gabriela Duarte com vergonha
Gabriela Duarte relembra passado da mãe com Bolsonaro - Foto: Reprodução/TV Globo
Redação NT

Publicado em 15/04/2021 às 08:36:17,
atualizado em 15/04/2021 às 08:58:59

Gabriela Duarte foi a convidada do Conversa com Bial exibido na madrugada desta quinta-feira (15) e não se furtou em comentar quandoRegina Duarte, sua mãe, aceitou o emprego para ser Secretária Especial da Cultura no ano passado. Ao programa, a atriz admitiu que ficou aliviada com a exoneração da mãe.

"Foi um período muito turbulento, de muitas coisas. Um período que, de certa forma, nos afastou bastante. Não por uma questão ideológica, não é isso. Tem a ver com uma dinâmica muito complicada, de entrar ali, sair... Então, eu posso responder por mim, eu fiquei muito aliviada", comentou.

A atriz afirmou ainda que elas não falam sobre política em casa: "Realmente a gente escolhe coisas que a gente combina invariavelmente, séries, filmes, a profissão. A gente se encontra melhor. Pra que se encontrar num lugar que é espinhoso?".

Quando a mãe esteve ao lado de Bolsonaro, os tempos não foram fáceis, segundo ela. "Fiquei muito assustada, recebi muitas ameaças, nunca me passou pela cabeça isso. Foi bizarro."

Gabriela Duarte em Por Amor

Recentemente, Por Amor (1997) foi reapresentada no Vale a Pena Ver de Novo. Na trama de Manoel Carlos, interpretou Gabriela, que ganhou até sites na internet tamanha sua rejeição. "Eu comecei minha carreira e achei que ela podia acabar ali, de tão forte que foi essa manifestação das pessoas, 'eu odeio a Eduarda', chata, mimada", recordou ela.

E elogia que Eduarda tenha se redimido na trama: "O público passa a olhar para ela com afeição, com compreensão".



Mais Notícias