SBT

"Conexão Repórter" atinge boa audiência com reportagem sobre corrupção e Sérgio Moro

Roberto Cabrini e Sérgio Moro
Divulgação/SBT

Publicado em 11/12/2018 às 11:30:17

Por: Fabrício Falcheti

O "Conexão Repórter" atingiu boa audiência nesta segunda-feira (10), com uma investigação sobre a corrupção e uma entrevista exclusiva com Sérgio Moro, que será ministro da Justiça e da Segurança Pública no governo de Jair Bolsonaro.

Exibido de meia-noite à 01h08, a reportagem comandada por Roberto Cabrini registrou 7,7 pontos de média, pico de 9,1 e share de 19,1%.

Na mesma faixa, a Record TV ficou atrás com 6,5, mostrando "A Fazenda" e "Programa do Porchat". A Globo liderou com 12,1 pontos.

No "Conexão Repórter", Roberto Cabrini viajou o país mostrando situações de corrupção e personagens dessa mazela, dos pequenos atos ilícitos do dia a dia aos grandes saques.

Já o novo ministro falou sobre os desafios que o esperam em Brasília e disse que é preciso uma mudança de postura para combater a corrupção. "O principal erro foi acreditar que se justificava tolerar a corrupção ao contrário de reprimi-la. É preciso evitar o toma-lá-dá-cá. O presidente (Jair Bolsonaro) tem feito isso. É preciso uma mudança de postura e de tradição", bradou.

Sérgio Moro contou que pretende mudar isso com inteligência e que não pensa em fazer história, mas sim trabalho: "É necessário formar equipes de investigação para solucionar esses crimes com a velocidade necessária. Construir instituições sólidas não é uma questão puramente individual. Não é fazer história, é fazer o trabalho".

Esses dados são consolidados e referem-se a um grupo de telespectadores na Grande SP.



publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!