Reportar erro
Ibope

Mesmo enfraquecidas, tramas bíblicas da Record TV batem Faro, Bacci e Gugu

guilhermewinter-osdezmandamentos_9b2a728e6cbe3021c59aa93d1d4932aeee971b84.jpeg
Guilherme Winter é o protagonista de "Os Dez Mandamentos" - Divulgação/Record TV
Redação NT

Publicado em 07/07/2018 às 13:05:49

Ainda que não ostente mais os índices de 2015 e 2016, com as exibições inéditas de "Os Dez Mandamentos" e "A Terra Prometida", as produções bíblicas da Record TV continuam sendo o carro-chefe da emissora no quesito audiência em todo o Brasil.

Na semana entre os dias 25 de junho e 1 de julho, das 10 maiores audiências da casa, as três primeiras da lista eram produções bíblicas.

"Apocalipse", que foi veiculada apenas na segunda-feira, se encerrou com 13,8 pontos de média nacional. A trama chegou a 16,7 pontos no Rio de Janeiro e também teve performance expressiva em Belo Horizonte (16,4), Goiânia (17,7), Salvador (18) e Vitória (16,7).

Em segundo lugar, surgiu a reprise de "Os Dez Mandamentos". Após um começo problemático, em julho do ano passado, a trama ganhou força e teve a repetição da segunda temporada emendada com a primeira. Na semana em questão, foram 11 pontos de média.

Já em terceiro lugar, surgiu a recém-estreada "Lia". Sem grandes investimentos e com elenco pouco conhecido, a trama bíblica obteve 9,4 pontos de média.

O trio bíblico superou nome relevantes da casa, tanto pelo peso de seus nomes no departamento comercial como pela relevância que possuem no meio artístico. O "Cidade Alerta", de Luiz Bacci, por exemplo, ocupou a quinta colocação no ranking com 9,3 pontos de média. Rodrigo Faro, maior artista da casa e com um programa aos domingos, teve 8 pontos e ocupou a sexta colocação. Já Gugu Liberato, mesmo tendo desempenho considerado razoável à frente do "Power Couple", se despediu do programa com 7,5 pontos de média.

Outras estrelas da casa como Sabrina Sato e Geraldo Luís sequer figuraram no ranking das 10 maiores audiências da semana.

Esses índices são consolidados e são baseados na preferência de um grupo de telespectadores de cada cidade mencionada e sua respectiva região metropolitana.

TAGS:
Mais Notícias