Joaquim Lopes defende papel em "Império": "não diria que é mau-caráter"

Divulgação/TV Globo

Publicado em 26/08/2014 às 09:47:39

Por: Sem autor

Atualmente interpretando o dono de restaurante Enrico na novela "Império", o ator Joaquim Lopes defendeu o seu personagem, que vai descobrir que o seu pai, Claudio (José Mayer), é gay.

Em entrevista para o jornal Extra, Joaquim disse que a reação do seu papel será a pior possível: "Ele vai reagir da pior forma. Não vai acreditar e suportar a ideia de que o pai manteve uma relação, por um bom tempo, com um rapaz que poderia ser seu filho. Se sentirá traído e vai acabar tendo atitudes muito homofóbicas".

O ator falou também sobre o que tem de expectativa para Enrico no decorrer da novela: "Minha expectativa é que o Enrico sirva como alerta para esse tipo de preconceito antigo e sem fundamento. Amor é amor. Independentemente de gênero, raça, credo e tantas outras coisas".

Por fim, ele defendeu seu papel, dizendo que ele não é mau-caráter: "Não diria que ele é mau-caráter, ele é arrogante e quer defender a qualquer custo seu patrimônio, apesar de não ter tido a atitude mais honesta. O Enrico é uma bomba-relógio. Uma pessoa que trava uma luta interna diária. Talvez ele reconheça o talento do Vicente e se sinta ameaçado".

"Império" marca médias entre 30 e 32 pontos na Grande São Paulo, elevando, mesmo que não muito, os números da antecessora "Em Família".



COMENTÁRIOS