"Torcer para Ninho é desperdiçar energia", diz Juliano Cazarré

Personagem de "Amor à Vida" está no hospital após ser esfaqueado por Aline

 "Torcer para Ninho é desperdiçar energia", diz Juliano Cazarré
Divulgação/TV Globo

Sem autor

Publicado em 29/01/2014 às 09:29:15

O  ator Juliano Cazarré reclamou mais uma vez dos rumos de seu personagem Ninho na novela “Amor à Vida”.

Em recente entrevista para o site do jornal “Folha de São Paulo”, ele diz que o público que torce por Ninho perde tempo: "Não espero nada. Eu não desejo nada, o que vier eu faço. Quero fazer cena boa. Não importa se for uma cena de redenção, quero fazer uma boa redenção. Se ele morrer, quero fazer uma bela morte. Se ele vai preso quero fazer uma bela prisão. Se ele vai ficar louco, quero fazê-lo bem louco. O que o Walcyr escrever, vou fazer da melhor forma. Até porque não adianta torcer, é desperdiçar energia à toa. O que chegar é o que eu vou fazer".

Juliano também comentou sobre o filme “Serra Pelada”, que foi exibido em formato de microssérie na Globo, na semana passada: “Encarei com entusiasmo. O público teve a chance de conhecer dois trabalhos meus diferentes, duas construções de personagens diferentes, dois jeitos de olhar. Achei bom, na reta final da novela, ainda poder apresentar um trabalhinho novo antes de descansar um pouco”.

Após a trama de Walcyr Carrasco, Juliano deve tirar férias da televisão e focar no cimena, onde já recebeu alguns convites.
 

Mais Notícias