Novelas

"A Record achou que eu estava desorientado", diz Mário Gomes

Ator confessa que foi difícil entrar em "Pecado Mortal"


a01688325da70902ae1b6c088def81fb.jpg
Divulgação/TV Record

Em entrevista ao jornal "Extra", o ator Mário Gomes, que interpreta Getúlio na novela “Pecado Mortal”, disse que a Record não sabia se o colocaria no elenco.

Ele confessou ter sido uma luta pra entrar na trama e relatou: "A Record achou que eu estava desorientado emocionalmente porque, desde que entrei (em 2009), vinha insistindo em que eles me ajudassem a promover minha biografia. Enchi o saco de todo mundo".

Hoje, Mário entende que a Record tinha razão em não ajudá-lo e que o canal o quer apenas como ator, e ressaltou ainda que não tem mais interesse em lançar um livro.

Ainda na entrevista, ele confessou que a incerteza da emissora aconteceu por conta do excesso de palpites que deu quando atuou na novela "Vidas em Jogo".

"Tinha um papel bom. Mas ainda estava chateado com a Globo (ele saiu em 2008) e acho que minha atuação ficou séria demais. Isso acabou me prejudicando. Além do mais, achava que a novela precisava ser mais homogênea. Comecei a dar muitos palpites e eles não gostaram", disse.

Autor de “Pecado Mortal”, Carlos Lombardi foi quem ajudou Mário Gomes a entrar na trama. Contudo, ele precisou passar por testes para conseguir o papel: "Achei justo".

Em breve, o ator pretende ir para os teatros com o monólogo “Vidas”, onde pretende contar sua história. Ainda não há uma data de lançamento prevista.

Mais Notícias