Juliano Cazarré sobre rejeição a Ninho de "Amor à Vida": "público careta"

Pesquisa realizada pela Globo aponta rejeição do telespectador ao personagem

 Juliano Cazarré sobre rejeição a Ninho de "Amor à Vida": "público careta"
TV Globo/Renato Rocha Miranda

Diego Falcão

Publicado em 21/08/2013 às 21:10:23

Em entrevista ao jornal "O Globo", o ator Juliano Cazarré, o Ninho de "Amor à Vida", falou sobre a recente pesquisa que mostra uma grande rejeição dos telespectadores ao personagem.

"As pessoas estão certas ao terem essa reserva com Ninho. É difícil defendê-lo depois de tudo o que aconteceu. Mas acho curioso ver uma parcela que o rejeitou por causa do cabelo e do jeito, reforçando aquele estereótipo do riponga vagabundo. As pessoas mais educadas e ligadas ao que acontece no mundo não têm esse preconceito", declarou.

Ainda na entrevista, ele chegou a citar o pai de Preta Gil: "Gilberto Gil já usou dreadlocks e é uma referência no mundo, por exemplo. Acho que se trata de uma parte do público careta, atrasada e desinformada. Creio que Walcyr vai mudar isso. Acredito que Ninho pode ter uma redenção através da arte".

Por fim ele falou das dificuldades das cenas de "Amor à Vida": "Só vimos Ninho no ambiente dele no primeiro capítulo. De lá para cá, ele se tornou um peixe fora d'água. Ele é um cara explosivo, reage com força quando se sente ameaçado. Todas essas peculiaridades tornam o personagem difícil de ser feito".

[galeria]

Em tempo

Nos próximos capítulos, o sequestro de Paulinha (Klara Castanho) vai deixar a trama eletrizante. Paloma (Paolla Oliveira) e Bruno (Malvino Salvador) vão ao Peru e conseguem resgatar a menina.

Mais Notícias